A “cena nojenta” da ignorância

Marcelo Rubens Paiva

17 de novembro de 2016 | 18h24

O radicalismo cega.

Uma manifestante que ocupou ontem a tribuna do Congresso confundiu a bandeira do Japão com uma tentativa de incluir a cor vermelha na bandeira brasileira.

Ela postou vídeo revelando a “cena nojenta” no Congresso Nacional.

“Reparem na nossa bandeira com o símbolo vermelho comunista. Essa será a nova bandeira do Brasil’, ela diz, dramaticamente, alertando seus possíveis espectadores.

 

 

A atual paranoia anti-comunista começa a ficar engraçada.

Como o maluco por vezes é engraçado.

“A nossa bandeira não será mais como conhecemos”. lamenta a manifestante.

O painel em comemoração ao centenário da imigração japonesa no Brasil fica exposto permanentemente no Congresso Nacional desde 2008.

Se foi brincadeira da manifestante, merece risada.

E já viralizou.

Se não foi…

Escreveu Ivan Valente, do PSOL: “Quando a ignorância invade a democracia. Manifestante que pede a intervenção militar confunde homenagem ao Japão c/ bandeira comunista”.