As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Zé do Caixão e Bressane em Veneza

Luiz Zanin Oricchio

29 de julho de 2008 | 09h57

Acabo de saber que dois filmes brasileiros – Encarnação do Demônio, de José Mojica Marins, e A Erva do Rato, de Julio Bressane – participam do Festival de Veneza deste ano. Nenhum deles está no concurso principal. Aliás, Mojica passa fora de concurso, enquanto Bressane está na mostra Horizontes, a mesma em que participou ano passado com Cleópatra. Essa é a parte boa. A parte ruim é que, mais uma vez, o Brasil está fora do concurso principal de Veneza, aquele que atribui o Leão de Ouro, prêmio que ainda falta na prateleira do cinema brasileiro. Já ganhamos a Palma de Ouro, em Cannes, e dois Ursos de Ouro em Berlim. Mas o Leão, até agora, não rugiu para nós. E não será desta vez que isso poderá acontecer.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: