As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Um filme futurista brasileiro?

Luiz Zanin Oricchio

20 Janeiro 2008 | 10h33

Amigos, recomendo a leitura de um texto de Mariarosaria Fabris, hoje, no Cultura, sobre um filme brasileiro praticamente desconhecido.

Mariarosaria Fabris

Dentro do ciclo Clássicos e Raros do Nosso Cinema, apresentado pelo Centro Cultural Banco do Brasil e pela Cinemateca Brasileira, desde o dia 26 de dezembro até hoje, está sendo exibido – em programação dupla, junto com Simão, o Caolho (1952), de Alberto Cavalcanti – um filme praticamente desconhecido do atual público brasileiro. Trata-se de Maluco e Mágico, de William Schocair, que a partir do título revela sua filiação ao gênero das comédias malucas, filmes burlescos do período mudo, com suas gagues, pontapés nos fundilhos ou trombadas de traseiros, bordoadas na cabeça, tropeções, tombos, pantomimas, qüiproquós herdados do circo e do teatro popular

Para continuar a leitura do artigo, clique aqui.