As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Não deu para o Flu

Luiz Zanin Oricchio

03 de julho de 2008 | 01h11

Mas jogou bem e com coração. Tomou um gol, logo se recuperou, virou e esteve a um passo da vitória. Mas esse passo não foi dado, talvez por falta de gás no segundo tempo.

Houve um pênalti não marcado em cima de Washington e, em compensação, um gol mal anulado da LDU. Nada a reclamar, portanto, da arbitragem, aliás muito confusa. O juiz é ruim, como os auxiliares. Erraram dos dois lados.

Os pênaltis são aquilo que se sabe. Não são loteria, dependem de detalhes, equilíbrio, momento dos goleiros, dos cobradores, essas coisas impalpáveis.

É terrível porque, se você for pensar com serenidade, dois times que disputam dois jogos e mais uma prorrogação e terminam iguais é porque são rigorosamente iguais, embora muito diferentes entre si. E, como só existe um campeão…vai-se aos pênaltis. É do jogo.

Se eu torcesse para o Flu, aplaudiria o time. Mas é pena.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: