As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Henry Sobel e a história brasileira

Luiz Zanin Oricchio

30 Março 2007 | 19h20

Neste momento, o nome do rabino Henry Sobel está no noticiário por um suposto furto de gravatas em Palm Beach, nos Estados Unidos. Leio que se encontra internado no Hospital Albert Einstein por alterações de humor e confusão mental. De fato, a mente humana é um novelo, como sabe quem já praticou ou se submeteu a uma psicanálise. Na verdade, sabemos todos nós, na intimidade, da quantidade e o teor de pensamentos e desejos inconfessáveis que nos acodem à mente. Por que motivo a maioria de nós os reprime e uma minoria cede a eles em algum momento, é um mistério.

Temo apenas que, em nossa época tão superficial, uma figura importante como a de Sobel fique estigmatizada por esse acontecimento. Sei que não faz parte dos usos contemporâneos, mas mesmo assim vou virar o pescoço para trás e olhar a História. Em 1975, o jornalista Vladimir Herzog foi assassinado nos porões da ditadura. O regime montou uma farsa para sustentar a absurda hipótese de suicídio. Herzog era judeu. Se de fato tivesse se matado, pela lei judaica deveria ser enterrado nos arredores do cemitério e não em seu interior. Sobel garantiu que o corpo do jornalista fosse sepultado no interior do campo santo, ato de respeito à memória e à família de quem fora assassinado, e maneira enfática de mostrar ao regime que a farsa do suicídio não era aceita. Herzog transformou-se em mártir involuntário da ditadura e Sobel agiu no episódio como o homem digno e corajoso que é.

Dias depois, Sobel participou, junto com o Cardeal Dom Paulo Evaristo Arns e do reverendo Jaime Wright, de um ato ecumênico na Catedral da Sé em memória de Vladimir Herzog. A cerimônia foi assistida por cerca de 8 mil pessoas e constituiu-se em vigoroso ato público contra a ditadura, que entraria em declínio a partir de então. Eis o papel do rabino na história recente brasileira. Recordo esse episódio em respeito a Henry Sobel e à comunidade judaica.