As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Diário do Cine PE 2012: mau começo

Luiz Zanin Oricchio

27 de abril de 2012 | 01h17

RECIFE –  Uma nota breve, antes de dormir. A projeção de À Beira do Caminho, de Breno Silveira, foi bastante prejudicada por problemas técnicos com o som. Vários diálogos ficaram inaudíveis e o som do filme pareceu desagradável durante toda a sessão. Tanto assim que, quando os créditos estavam passando, o diretor do festival, Alfredo Bertini, admitiu a falha e prometeu passar o filme de novo, em outro dia e horário, em condições normais.

Ninguém sabe direito o que aconteceu, porque os curtas que precederam o longa de Breno tiveram projeções bastante boas, de imagem e som perfeitos. Há quem diga que foi problema com o arquivo digital, etc. Enfim, ninguém ainda consegue domar os demônios do digital que, quando se soltam…sai de baixo.

Depois, com mais calma e tempo, volto a falar do filme, ainda que visto em situação insatisfatória.

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.