As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Diário de Veneza 2011: as estrelinhas

Luiz Zanin Oricchio

10 de setembro de 2011 | 07h12

Na tabulação final das estrelinhas dos críticos em Veneza, deu em primeiro lugar Carnage, de Polanski na cabeça, com média de 3,9 em cotações que vão de 1 a 5. Em segundo veio Fausto, de Sokurov, com 3,7. Em terceiro The Ides of March, de Clooney, com 3,5, empatando com Killer Joe, de Friedkin. Apenas um décimo atrás desses dois aparece  Shame, de Steve McQuenn, com 3,4. O último colocado foi o vaiadíssimo Quando la Notte, de Cristina Comencini, com apenas 1,5.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: