As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Diário de Gramado 2012 Alguns curtas

Luiz Zanin Oricchio

17 de agosto de 2012 | 12h41

Dos curtas até agora vistos, alguns destaques: Dicionário, de Ricardo Weschenfelder, baseado em conto de Lindolf Bell, poeta popularíssimo nos anos 1960. Diário de Não Ver, de Cristina Maure e Joana Oliveira, é um sensível trabalho sobre o tema da cegueira. Di Melo, o Imorrível, de Alan Oliveira e Rubens Pássaro, redescobre a incrível figura do cantor e compositor Di Melo, sumido do mapa. E o mais surpreendente, Menino do Cinco, de Marcelo Matos de Oliveira e Wallace Nogueira, trabalha de modo original a divisão de classes sociais em Salvador, através de uma história de meninos e cãezinhos. Nada inocente, por sinal.

Tudo o que sabemos sobre:

curtas-metragensFestival de Gramado

Tendências: