As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Com ‘Cães Errantes’, Ming Liang mostra o cotidiano de sem-teto

Luiz Zanin Oricchio

24 de abril de 2014 | 17h28

Cães Errantes, de Tsai Ming Liang (Taiwan), ganhou o Grande Prêmio do Júri no Festival de Veneza do ano passado. Esteve cotado para faturar o troféu maior, o Leão de Ouro, mas ficou com uma bela compensação, em todo caso. O filme de Ming Liang dividiu crítica e público na Europa – e não há motivo para pensar que no Brasil seja diferente. Seu estilo é muito particular. De uma beleza pungente, para quem gosta; tedioso, para quem joga no outro time.

Leia o artigo completo:

http://www.estadao.com.br/noticias/arte-e-lazer,com-caes-errantes-ming-liang-mostra-o-cotidiano-de-sem-teto,1157643,0.htm

Tudo o que sabemos sobre:

cinema Taiwan

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.