As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Caos aéreo

Luiz Zanin Oricchio

28 de novembro de 2007 | 21h15

Levei três horas no vôo de Brasília a São Paulo, que normalmente se faz em uma hora e vinte. Só que não descemos em Congonhas. Estava com excesso de tráfego, disse o comandante. Sobrevoamos Ribeirão Preto e depois Araraquara. Finalmente, viemos para Campinas. Escrevo agora a bordo do ônibus que nos leva para São Paulo. Ninguém diz o que aconteceu. Fala-se que onze controladores de vôo foram demitidos e então estabeleceu-se a clássica operação tartaruga. Mas não se sabe ao certo. Ninguém ouve, ninguém fala, ninguém vê. Uma colega de infortúnio tinha de pegar conexão para o Rio em Congonhas. Não vai dar tempo. A funcionária da TAM disse que não era problema da companhia e que a passageira se arrumasse como pudesse. Assim é.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.