As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Babilônia

Luiz Zanin Oricchio

25 Março 2015 | 09h53

A eleição de um bode expiatório permite à sociedade enxergar-se como pura e ao abrigo de contradições. Parafraseando Sartre: corruptos são os outros. Curiosamente é uma novela – Babilônia – que põe ao alcance de todos o fato de que dilemas éticos estão inscritos no tecido mesmo da sociedade brasileira.

Mais conteúdo sobre:

Babilônia