As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Altitude e falta de bola derrubam o Santos

Luiz Zanin Oricchio

20 de março de 2008 | 08h54

Era visível o efeito da altitude sobre o Santos. Os jogadores não chegavam na bola e os adversários atravessavam aquela defesa (?) como faca na manteiga. No entanto, o Santos perdeu vários gols no primeiro tempo por pura ruindade dos atacantes. No segundo, o time apagou. E mesmo assim ainda teve uma ou outra oportunidade. No final, houve um pênalti não marcado (Kléber Pereira foi puxado pela camisa e ainda levou cartão amarelo por simulação). Mas não cabe choradeira. Taticamente o time foi muito mal, as substituições foram desastrosas e faltou precisão na hora de decidir. Faltou bola mesmo. E olha que esse time do San José é ruim demais. Se estivesse com o pé na forma poderia ter goleado ao invés de ganhar por apenas 2 a 1.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.