As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Que tal?

Luiz Carlos Merten

18 de fevereiro de 2014 | 09h38

BERLIM -Não quero deixar ninguém com inveja – bem, um pouquinho… -, mas estou saindo para um programa duplo que promete. Há uma mini-retrospectiva do sueco Bob Widerberg – estou pensando em emendar Elvira Madigan com Adalen 31. E, à noite, que tal rever também La Proprieté C’Est Un Vol, de Elio Petri? Minha dúvida é que, em Berlim, meus amigos poloneses me falaram maravilhas de Ida, de Pawel Pawlikowski. Entre hoje e amanhã, tenho de dar um jeito de ver o filme que, segundo eles, reinventa o cinema polonês pós-Wajda e Kieslowski.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.