As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Festa

Luiz Carlos Merten

16 de setembro de 2012 | 10h19

O título é de filme de Ugo Giorgetti. Meu amigo Dib Carneiro assumiu sua veia pooética e criou um blog de poesia. Chama-se ‘Segundas Líricas’ – vocês saberão como enconttrar na rede – e toda segunda-feira publica uma poesia inédita. A coisa já dura acho que três semanas e tem repercutido no Facebook, onde também bombaram as fotos do meu aniversário, que o Dib colocou. Quando lançou a iniciativa ele já tinha mais de 50 poesias inéditas, o que significa que teremos ‘Segundas Líricas’ por um ano, pelo menos. Confesso que não li, e não é por falta de interesse. ‘Lento e bruto eu mudo/sei que vem outubro.’ A poesia de meu amigo Nei Duclós é uma espécie de farol em minha vida. Como nasci nos idos de setembro, e acabo de completar 67, outubro é sempre uma miragem para mim. Em outubro tem o festivalo do Rio, a Mostra de São Paulo. Outubro é promessa de coisas novas, de futuro. De mudança. Quem sabe em outubro eu me renda às ‘Segundas Líricas’. O nom e do blog me encanta, porque esse ‘segunda’, que remete ao dia, pode ter múltiplos significados, não. Passei dois ou três dias sem postar, mas desde quinta estava sem internet em casa e, no jornal, a correria andava grande. Muitos filmes para ver, matérias para escrever. No sábado – ontem -, visitei o set do novo filme de Lina Chamie, ‘Os Amigos’, num condomínio da Praça da República. São Paulo tem ângulos que a gente nem acredita. Do alto, 21.º andar, essa cidade tão poluída e masltratada, essa verdadeira selva de concreto, possui uma beleza particular, eu a amo. Meu aniversário virou, como se diria no Sul, um kerb. Três dias de festa. Na quarta, reuni os amigos no Bra.Do (e o Vilmar, onde foi parar?). Na quinta,  jantamos com Gabriel Villela e Cláudio Fontana no Mestiço. Dois dias sem música, e meu aniversário sempre teve música ao vivo. Para me compensar, fui ao show de Diogo Nogueira na sexta à noite no HSBC. Diogo em Cuba, La Habana, com direito a salsa e gafieira. No próximo post.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.