As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Era Uma Vez….

Luiz Carlos Merten

14 Fevereiro 2013 | 14h20

BERLIM – Gostei muito do filme de Danis Tanovic Un Episode in the Life of a Iron Picker, que veio se somar ao chileno (Gloria) e ao russo (A Long and Happy Life) como meu trio de highlights na Berlinale deste ano. Mas tenho de contar para voces que um de meus maiores prazeres, senao o maior, nesta Berlinale foi ver o novo Yamada, um autor a quem admiro muito. Yamada san. Ele foi assistente de Yasujiro Ozu e fez um remake de Tokyo Monogatari, Era Uma Vez em Toquio, de 1953, que foi eleito pelo British Film Institute o melhor filme de todos os tempos, numa lista divulgada no fim de 2012. Os criticos escolheram Alfred Hitchcock, Um Corpo Que Cai, e diretores de todo o mundo preferiram o Ozu. Pois depois Tokyo Family, de Yoji Yamada, dedicado a Ozu, fui ver hoje o proprio Tokyo Monogatari, numa copia restaurada pela Shochiku, para comemorar os 110 anos de nascimento do diretor (em dezembro proximo). A projecao teve um problema tecnico no come;o, mas o filme terminou ressurgindo em toda a sua gloria. Nao resisto a contar logo que os dois filmes, o de Yamada como o de Ozu, foram comprados por uma distribuidora do Rio, que tambem vai levar o Elle s`en Va, em que Catherine Deneuve, a bela da tarde!, estreia no papel de… avoh! O cinefilo de caerteirinha jah pode agradecer por issdo a Marcelo Franca Mendes, do Festival do Rio.