As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Berlinale! (22)

Luiz Carlos Merten

14 de fevereiro de 2015 | 10h26

BERLIM – Depois do prêmio da crítica (Fipresci), houve agora pela manhã a premiação dos júris independentes sediados em Berlim. O Office Catholique International du Cinema/OCIC premiou, na competição, o filme de Patricio Guzmán, El Botón de Nácar, dizendo que a honraria não se prende a aspectos religiosos, mas humanos e estéticos. Gostaria que o júri da crítica tivesse tido ontem esse discernimento. Anna Muylaert, cubra-se de glória. Depois do prêmio em Sundance para Regina Casé, Que Horas Ela Volta?/Second Mother recebeu o prêmio da CICAE, Confederação Internacional dos Cinemas de Arte e Ensaio, na seção Panorama. O prêmio recompensa filmes que ganham apoio dos programadores de cinemas de arte – uma rede formada por centenas de salas espalhadas pela Europa (e o mundo). O júri destacou a contribuição das atrizes, e citou Regina Caaáse, ao invés de Casé. Me bateu que, continuando nessa toada, e com um bom lançamento nos EUA, Regina poderia até repetir Fernanda Montenegro, sendo indicada para o Oscar de melhor atriz no ano que vem. Posso até estar delirando, mas por que não?

Tendências: