Venda de clássicos aumenta na Alemanha – culpa dos jovens

João Luiz Sampaio

23 de março de 2010 | 19h24

Um relatório da Associação da Indústria Musical Alemã recém-divulgado aponta um aumento de pouco mais de 10% nas vendas de discos clássicos no país. O mercado, assim, passou a movimentar 119 milhões de euros em 2009, contra 108 milhões em 2008. Ao todo, foram vendidos 14,7 milhões de CDs, contra 12,6 milhões em 2008 – são as melhores cifras desde 2003. Uma das explicações para o crescimento seria o aumento no número de jovens que compraram discos clássicos – na faixa de 10 a 19 anos, o aumento foi de 1,3%; entre 20 e 29 anos, de 4,7%. Os números não são excepcionais. Mas, ao menos, saíram do vermelho.