Uma conversa com Natalie Dessay

Uma conversa com Natalie Dessay

João Luiz Sampaio

14 de março de 2011 | 16h25

Conversei agora há pouco com a soprano Natalie Dessay, que interpreta Lucia di Lammermoor neste sábado no Metropolitan Opera House de Nova York, com tranmissão para cinemas de todo o mundo, incluindo o Brasil. Falamos sobre a personagem, o repertório, o sentido das tranmissões e outros temas. Ela é divertida, sem papas na língua. A conversa completa logo a gente publica no “Caderno 2”; mas, de cara, uma frase dela, sobre os papeis que está acostumada a interpretar, Lucia entre eles:

“O grande problema é que tenho o temperamento de uma bruxa, mas só posso cantar jovens ingênuas. É uma pena!” Seus sonhos impossíveis de personagens incluem Salomé, Tosca e Lady Macbeth.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.