Teatro Municipal do Rio de Janeiro lança programação para o primeiro semestre

Temporada começa na semana que vem, com Condor, de Carlos Gomes, e terá ainda montagem de Fausto, de Gounod, além de concertos com cantores como Vittorio Grigolo e Michael Fabiano

João Luiz Sampaio

06 de março de 2019 | 17h11

O Teatro Municipal do Rio de Janeiro já tem sua programação definida para o primeiro semestre deste ano. Batizada de “Theatro Municipal do Rio de Janeiro – 110 anos – Estado da Arte”, a programação inclui óperas e concertos. A abertura do ano, nos dias 15 e 17 de março, será com Condor, de Carlos Gomes, ópera em versão de concertos, com Eliane Coelho, Fernando Portari e regência de Luiz Malheiro, diretor musical do teatro, que tem direção artística de André Heller-Lopes.

Em abril, o destaque é a estreia de As noites de Berlioz, balé em homenagem aos 150 anos do compositor, com coreografia de Thiago Soares. A regência é de Carlos Prazeres e as récitas acontecem durante a Semana Santa. Ainda na dança, haverá, nos dias 6 e 7, espetáculo infantil com a Companhia da Escola de Dança Maria Olenewa. Também em abril, Fernando Portari comemora em recital seus 30 anos de Municipal; A soprano Eliane Coelho também fará recital, no dia 23, com o pianista Luiz Gustavo Carvalho.

Em maio, no dia 10, será apresentada em concertos-cênicos a ópera “Os Contos de Hoffmann”, de Jacques Offenbach, com Eric Herrero no papel-título e regência de Roberto Tibiriçá. Em junho, dois concertos: no dia 2, obras de Bruch e Bruckner; e, no dia 16, de Claudio Santoro, com regência de Marcelo de Jesus.

Em julho, acontece a estreia do projetos Grandez Vozes no Municipal, com o tenor Vittorio Grigolo. Outros grandes nomes do canto lírico internacional que virão ao Rio são o tenor Michael Fabiano e a soprano Lisette Oropesa. Também em julho, o Municipal abriga uma produção de Fausto, de Gounod, trazida do Festival Amazonas de Ópera, com direção de André Heller-Lopes, regência de Luiz Fernando Malheiro e elenco composto por Atalla Ayan, Gabriella Pace, Giovanni Tristacci, Flavia Fernandes, Homero Perez e Homero Velho.