Teatro Municipal do Rio de Janeiro cancela abertura da temporada

Teatro Municipal do Rio de Janeiro cancela abertura da temporada

Teatro ficará fechado por quinze dias, assim como a Sala Cecília Meireles, por determinação do governo do estado

João Luiz Sampaio

13 de março de 2020 | 18h36

O concerto da soprano Sondra Radvanovsky, que abriria a temporada do Teatro Municipal do Rio de Janeiro na noite desta sexta-feira, 13, foi cancelado.

A decisão foi motivada pelo decreto do governador Wilson Witzel publicado hoje com medidas relacionadas à contenção do coronavírus Covid 19.

O Municipal deverá ficar fechado, a princípio, por um período de 15 dias, assim como a Sala Cecília Meireles, outro principal palco da música clássica da cidade.

A abertura da programação da Orquestra Petrobras Sinfônica, marcada para amanhã no Municipal, será adiada.

Na Bahia, o Neojiba resolveu limitar a cem pessoas o público dos concertos do fim de semana no Parque do Queimado, como o recital do pianista Ricardo Castro e do violoncelista Matias Oliveira Pinto.

No Rio Grande do Sul, foi suspenso o concerto da Sinfônica de Porto Alegre, que seria realizado amanhã na Casa da Música da Ospa.

Em São Paulo, o Instituto Baccarelli cancelou a apresentação da Orquestra Sinfônica Heliópolis prevista para o domingo, no Auditório do Masp, com o maestro Edilson Ventureli e a cantora Vanessa da Matta.

O Teatro Municipal, o Teatro São Pedro e a Sala São Paulo ainda não se posicionaram sobre a determinação da prefeitura de cidade de suspender todos os eventos públicos culturais, artísticos e políticos.

Mais informações em breve.

Tudo o que sabemos sobre:

músicacoronavírus

Tendências: