No Rio, com Mozart (3)

João Luiz Sampaio

05 de junho de 2009 | 17h49

A pianista mineira Berenice Menegale, de quem vi um belo recital ontem à tarde, está agora no palco da Sala Cecília Meireles, mas resolvi dar uma pausa nas sonatas de Mozart para mandar notícias aqui do hall do teatro. O nome do dia, na verdade, são quatro – os quatro músicos do Quarteto Ysaye. Eles, no ano passado, já haviam feito maravilhas com os quartetos de Beethoven. E repetem a dose agora com Mozart. Acabei de sair da Igreja Nossa Senhora do Carmo da Lapa, onde eles fizeram os quartetos nº 16 e nº 17 (fiz fotos, mas esqueci o cabo da máquina e, portanto, só vou poder colocá-las aqui mais tarde). Eles são incrivelmente musicais, cada voz é ouvida com clareza, mas de maneira integrada. Horas antes, na sala, participaram de um programa duplo. Com Eduardo Monteiro, flautista com quem tive meu primeiro – e prazeroso – contato, fizeram o “Quarteto para Flauta, Violino, Viola e Violoncelo nº 1”; e com Romain Guyot, o “Quinteto Stadler”. Daqui a pouco eles voltam à sala para mais dois quartetos. Em tempo: o Ysaye será um dos conjuntos residentes da edição deste ano do Festival de Campos do Jordão. Agora, eu vou: se o ouvido não me falha, dá tempo ainda de pegar a última sonata do recital de Berenice Menegale.

É, já comecei a enlouquecer…

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: