Luiz Fernando Malheiro e André Heller-Lopes vão assumir Teatro Municipal do Rio de Janeiro

Luiz Fernando Malheiro e André Heller-Lopes vão assumir Teatro Municipal do Rio de Janeiro

Maestro e diretor cênico vão dividir comando artístico da casa; os dois já estiveram à frente do teatro, que passa por uma das piores crises de sua história

João Luiz Sampaio

07 de janeiro de 2019 | 20h59

O maestro Luiz Fernando Malheiro e o diretor cênico André Heller-Lopes vão dividir o comando do Teatro Municipal do Rio de Janeiro. Malheiro vai ocupar o posto de diretor musical e Heller, o de diretor artístico. Ainda não há confirmação a respeito da presidência da Fundação Teatro Municipal do Rio de Janeiro, atualmente ocupada por Ciro Pereira.

SECOM/AMAZONAS/DIVULGAÇÃO

A nomeação de Malheiro e Heller-Lopes ainda não foi publicada em diário oficial, mas foi confirmada ao blog por fontes ligadas ao teatro. Na prática, a ideia é que ambos dividam as decisões artísticas da casa, que passa por uma de suas piores crises: em 2018, foi produzida apenas uma ópera e o restante da programação acabou cancelado.

Heller-Lopes esteve à frente do teatro em 2017, sendo sucedido por Fernando Bicudo que, membro da equipe de transição do governo do estado, acabou preterido pelo governador Wilson Witzel e pelo secretário de Cultura Ruan Lira. Malheiro já esteve à frente do Municipal no início dos anos 2000 e já comandou também o Teatro São Pedro em São Paulo. É ainda diretor artístico do Festival Amazonas de Ópera, em Manaus.

Atualização (8/1, 9h): o Diário Oficial do Estado do Rio de Janeiro traz hoje a nomeação de Luiz Fernando Malheiro, assim como a informação de que o atual vice-presidente da Fundação Teatro Municipal, Aldo Mussi, assume a presidência, assim como a Sala Cecília Meireles, interinamente até o início de fevereiro.