Folle Journée carioca terá integral de Chopin em 14 concertos, por 5 pianistas

Folle Journée carioca terá integral de Chopin em 14 concertos, por 5 pianistas

João Luiz Sampaio

19 de abril de 2010 | 07h41

chopin

Saiu a programação da edição deste ano da Rio Folle Journée, que será realizada de 2 a 6 de junho. Serão ao todo 36 concertos, que vão ocupar o Teatro Municipal, o Auditório do BNDES e o Teatro João Caetano. O tema: o bicentenário de nascimento de Chopin, e a influência de sua produção na obra de compositores brasileiros. Os principais destaques:

– Obra integral para piano solo: será interpretada por cinco pianistas ao longo de 14 concertos espalhados pelo festival. São eles: Anne Quéffelec, Abdel Rahman El Bacha, Philippe Giusiano. Momo Kodama e Iddo Bar-Shaï.
– Concertos para piano e orquestra: Arthur Moreira Lima faz o primeiro; Nelson Freire, o segundo. Com a Petrobras Sinfônica regida por Isaac Karabtchevsky.
– Recitais: Eduardo Monteiro é o destaque entre os pianistas que farão diálogos entre Chopin e autores brasileiros; em seu recital, toca Villa-Lobos e Leopoldo Miguez. A programação tem ainda a pianista Sylvia Thereza, o Sexteto Maurício Carrilho e Ronaldo Rolim, entre outros.
– Palestras: Luiz Paulo Sampaio, musicólogo do Museu Villa-Lobos, fala no Anexo do Theatro Municipal; e José Miguel Wisnik e Mônica Salmaso fazem palestra-show no Teatro João Caetano.

Tendências: