A vida é uma ópera

João Luiz Sampaio

11 de janeiro de 2010 | 13h40

Membros da orquestra e do coro do Scala de Milão se apresentaram em “roupa de passeio” durante última apresentação de uma tempora da ópera “Carmen”, dirigida pelo maestro Daniel Barenboim no teatro. De acordo com informações da Associated Press, a ideia era protestar contra “abusos trabalhistas” nas últimas semanas – Durante uma visita da orquestra a Paris, um dos ensaios durou seis minutos a mais do que o previsto; e, em Tóquio, o que incomodou foi o pedido do maestro de repetir algumas cenas durante o ensaio geral. Músicos e diretores do teatro já negociam.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.