Tempo perdido

Estadão

05 de setembro de 2006 | 22h28

Foi um banho de água fria a apresentação do Rubin Steiner na Fnac hoje à noite. A banda, que tocou no festival do Coquetel Molotov, em Recife, não foi. Só Fred Lanier deu as caras para um DJ set. Convenhamos, na Fnac, com cadeiras e a luz acesa, a última coisa que se espera é ver um DJ set. Tudo bem que o set do Lanier foi bem divertido, a começar pela abertura com “The Yeah Yeah Yeah Song” do Flaming Lips e pelos belos hip hops e duas faixas do disco novo. Mas eu prefiro ouvir as mesmas coisas sem ter de sair de casa ou, no máximo, estatelado no sofá na casa de um amigo.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.