Stela Campos e além

Independentes de três partes do mundo se encontram no podcast com os lançamentos da semana

Estadão

10 de junho de 2009 | 00h00

Stela Campos

Stela Campos

Rolou um barulho nesta semana com o novo disco do Dirty Projectors. Do NY Times e Guardian aos mais indies como a Pitchfork, a recepção do Bitte Orca foi bem calorosa. Gosto da banda, principalmente do tratamento dos vocais e da disputa saudável entre as melodias pop e experimentalismos variados. Foi deixa para eu tocar indies de outras partes, começando pela Stela Campos, que eu adoro desde os primeiros discos. Mustang Bar, o novo, traz um olhar muito interessante, quase de crônica a la Lou Reed, para personagens da cidade, algo que fica entre o jornalismo e os quadrinhos. Para completar a trinca, uma banda maluca que conheci na coletânea Exploratory Music From Poland, que saiu este mês com a revista The Wire. Sob o nome impagável de Paristetris, esse trio faz uma música bem singular, embora em alguns momentos me lembre um Battles contido e sem virtuosismo. Hoje eu me empolguei.

1. Le Captaine – Stela Campos
2. No Intention – The Dirty Projectors
3. Electrodomestics – Paristetris

Tudo o que sabemos sobre:

ParisterisStela CamposThe Dirty Projectors

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.