Oh Dears

Estadão

22 de agosto de 2006 | 20h57

“Estou cansado de comparações. Mas se você me forçar a fazer uma, eu diria que nós soamos como o que aconteceria se você pegasse The Smiths, Pink Floyd e Curtis Mainsfield e colocasse num liquidificador.” Quem diz isso é Murray Lightburn, líder da banda cult canadense The Dears, num belo perfil que o jornal inglês The Independent fez desse coletivo de Montreal.

Neste ano, o Dears está para lançar Gang of Loosers. Em turnê pela Europa, os canadenses estão fazendo barulho. Se o novo disco for tão bom quanto o sombrio No Cities Left, de 2004, o Dears passa a ser uma banda para se acompanhar de perto.

Clique aqui para ler a entrevista do The Independent

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.