As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Os brazukas na Croisette!

Flavia Guerra

15 de maio de 2012 | 20h00

na_estrada_poster.jpg

Cannes

Falta pouco para o Festival começar. Mas vale lembrar a presença brasileira que vem por aí.

Além de Na Estarda, de Walter Salles, que concorre à Palma de Ouro, o Paísmarca presença em todas as mostras do festival. Na Un Certain Regard (Um Certo Olhar), outra coprodução do Brasil (desta vez com a Colômbia), o longa La Playa, representa a boa fase que nossos produtores, neste caso a sempre dinâmica Bananeira Filmes (de O Palhaço). Na Quinzena dos Realizadores, que revela o que de mais arrojado os novos diretores vêm produzindo, dois curtas-metragens revelam o talento de Leonardo Sette e Isabel Penoni (com Porcos Raivosos) e Anita Rocha Silveira (de Os Mortos Vivos).
Na conceituada Semana da Crítica, também um curta, O Duplo, da já veterana Juliana Rojas (de Trabalhar Cansa, que esteve em Cannes em 2011) representa nossos jovens talentos. A coprodução BRasil/França/Argentina “In fancia Clandestina’ também integra a Quinzena.
Para fechar, A Música Segundo Tom Jobim, de Nelson Pereira dos Santos, tem sessão especial e A Ópera do Malandro, de Ruy Guerra será exibido no Cannes Classics.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.