As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Na Estrada e no tapete vermelho

Flavia Guerra

24 de maio de 2012 | 09h17

Novo longa de Walter Salles tem sessão e festa badaladas na Croisette

 

ontheredcarpte

Walter Salles e seu elenco se preparam para entrar no Palais des Festivals

Cannes

 

 

Na Estrada, longa de Walter Salles, pode não levar a Palma de Ouro em Cannes, mas até agora está levando a Palma de monte de marche mais badalada do festival. Por monte de marche entenda-se a entrada da equipe, elenco e convidados pelo tapete vermelho até a sala Lumière, onde ocorrem as sessões de gala.

Pudera. Um elenco que conta com Kristen Stewart, Sam Reily, Garreth Hudlung, Viggo Mortensen, Kirsten Dunst, Tom Sturridge, Garrett Hedlund e Sam Reily bastou para reunir centenas de fãs, que esperaram pacientemente por horas na Croisette para ver o casal Crepúsculo passar.

Kirsten chegou em um carro azul de época acompanhada de Salles. Vestindo usou um longo bordado Balenciaga, a atriz era forte candidata a uma das mais bem vestidas da noite. Já Kirsten Dunst escolheu um Dolce&Gabbana com ar vintage, bem ao gosto dos anos 50, época em que o filme se passa. Detalhe para os que gostam de assuntos fashion: Ambas optaram pelo cinto como acessório. A escolha quebra a seriedade do longo e dá modernidade ao look.

Já o  namorado havia chegado sozinho pouco antes. Chegaram também ator Ewan McGregor (jurado este ano), Milla Jovovich e Marjane Satrapi. “Eu estava muito ansioso, claro, e a gente às vezes mal lembra do que aconteceu. Mas foi incrível. É recompensador”, contou o diretor ao Estado logo após o final da sessão.

Ao final, seis minutos e meio de palmas para o projeto que Salles levou oito anos para concluir. Ainda que as opiniões da imprensa estejam divididas, como bem também declarou a ministra da cultura Ana de Hollanda, que está em Cannes e  foi à gala, é para alguns um bom candidato à Palma.

 garreth_1.jpg

O ator Garreth Hedlund, um dos protagonistas do filme, faz pose na festa pós sessão de gala

Sessão de gala terminada, Salles e equipe seguiram para o restaurante Le Baron, no complexo do Cassino, na Croisette, para receber poucos e bons para um coquetel de comemoração. A festa ficou para um pouco mais tarde, no terraço do Cassino, e animou a noite da Croisette até a madrugada. Salles, preocupado com a maratona de entrevistas que enfrentaria hoje, deixou pontualmente a festa às 00h15. “Não descansei um minuto e amanhã tenho de estar pronto às oito. O sossego só vira em alguns dias, mas estou muito feliz”, contou o diretor ao Estado.

Já o elenco não só continuou a festa até tarde como estava muito à vontade entre os convidados e fãs. Claro, fãs, que pediam para tirar foto de um super protegido Pattinson. Acompanhado de seguranças, o ator circulava pela festa tranqüilo e teve tempo até de curtir um namoro no terraço com Kristen. Enquanto isso, Garreth distribuía sorrisos e tirava fotos com os fãs. Vai haver festa no Brasil também? “Espero que sim. Estou ansioso para lançar o filme no seu país”, disse o ator, que na história vive Dean Moriarty (inspirado no escritor Neil Cassidy).


 

 

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.