O pretinho básico mais caro do mundo

Estadão

05 de dezembro de 2006 | 19h14

Audrey Hepburn

Eu sou fã de Audrey Hepburn, embora ela deve ter sido a primeira atriz anoréxica a ficar famosa por sua magreza/elegância. Seu filme mais famoso, ‘Bonequinha de Luxo’ (1961), acaba de entrar para a história como o ‘filme do vestido mais caro da história do cinema’: o pretinho básico da Givenchy foi leiloado hoje por US$ 807 mil na Christie’s, em Londres (acima, foto de Audrey; abaixo, foto de uma modelo usando o vestido, hoje).

O comprador do vestido de Audrey (na verdade, da personagem Holly Golightly) não se identificou. Especulava-se que o vestido seria vendido por cerca de US$ 100 mil para alguma mulher de jogador de futebol, como a ex-Spice Girl Victoria Beckham ou a namorada de Wayne Rooney, Coleen McLoughlin. Os donos do vestido, a família Lapièrre, decidiram leiloar o vestido para arrecadar fundos para o grupo de caridade ‘City of Joy Aid’, que cuida de pobres na Índia. Tudo bem que Audrey era embaixadora da Unicef e tudo mais, mas o dinheiro do seu vestido deveria ter sido usado para sustentar estrelas decadentes de Hollywood – teria mais a ver.

Model

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.