Para quem gostou do ‘ParaNorman’
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Para quem gostou do ‘ParaNorman’

Bia Reis

18 de setembro de 2012 | 10h00

As crianças, assim como nós, se encantam com livros que contam a história dos filmes que tanto gostam. Muitas vezes, o texto não é um primor literário, mas ajuda a desenvolver o gosto pela leitura.

Crianças e jovens que curtiram o ParaNorman, animação em stopmotion que chegou recentemente às telas brasileiras, também vão gostar dos livros recém-lançados pela editora Salamandra.

ParaNorman – O Ataque dos Peregrinos Zumbis, baseado no filme de Chris Butler e adaptado por Annie Auerbach, é direcionado para os menores. Tem pouco texto e várias imagens do próprio filme. Este livro conta uma parte da história, até a hora em que Norman decide conversar com a bruxa.

O segundo, ParaNorman, foi escrito por Elizabeth Cody Kimmel, com ilustrações de Ross Stewart, e apresenta detalhes da história que ficaram de fora do filme. O texto é maior e quase não há desenhos.

Para quem ainda não assistiu ao filme, ParaNorman conta a vida de Norman Babcock, um garoto diferente dos outros: ele consegue conversar com fantasmas.  O menino mora em uma pequena cidade chamada Blithe Hollow, onde há uma maldição de uma velha bruxa que faz com que zumbis saiam de seus túmulos para assustar a vizinhança. Será que Norman conseguirá quebrar a lenda?

Serviço
ParaNorman – O Ataque dos Peregrinos Zumbis
Escritor: Annie Auerbach (adaptação)
Editora: Salamandra
Preço:  R$ 19,90

ParaNorman
Escritora: Elizabeth Cody Kimmel
Ilustrador: Ross Stewart
Editora: Salamandra
Preço: R$ 25,90

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.