Festa literária Canalzinho leva literatura infantil brasileira a Paris e Londres
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Festa literária Canalzinho leva literatura infantil brasileira a Paris e Londres

Treze autores participaram de cada evento; próximas edições ocorrerão na Espanha e na Itália

Bia Reis

29 de setembro de 2016 | 17h13

canalzinho4

Foto: Divulgação/Canalzinho

 

A festa literária Canalzinho promoveu na semana passada a literatura infantil brasileira em Paris e Londres. Idealizado pela escritora radicada na Inglaterra Nara Vidal, o evento reuniu em cada cidade 13 autores, entre eles Leo Cunha, Rosana Rio, Susana Ventura e Manuel Filho, que discutiram questões como o bilinguismo e apresentaram suas obras para leitores crianças e adultos. As próximas edições ocorrerão em 2017 na Espanha e na Itália.

O público que participou da festa era formado principalmente por brasileiros que moram no exterior e defendem que seus filhos continuem falando português. “Quem está aqui fora com filhos e insiste no português entende profundamente a diferença que eventos assim fazem”, afirma Nara, que mora no exterior há 15 anos.

canalzinho3

Foto: Divulgação/Canalzinho

 

Em Paris, as mesas, os debates e as oficinas ocorreram no Montparnasse, no Espace Krajcberg, em parceria com o Centre Culturel du Brésil, e em Londres, na University College London. Na Inglaterra, o Canalzinho contou com o apoio de escolinhas de português. “Várias compareceram, apoiaram e levaram seus alunos e pais para participarem das oficinas e dos debates”, conta a idealizadora.

A escritora Susana Ventura descreveu a festa literária como um “encontro muito produtivo entre a comunidade que fala português em Paris e Londres,  escritores e ilustradores brasileiros e portugueses e leitores interessados em conhecer mais sobre a literatura para crianças e jovens produzida em língua portuguesa”. “Surpreendeu-me muito a variedade do público, sua generosidade na partilha de experiências e a grande necessidade de obter literatura escrita em português. Foi um honra  participar e poder colaborar com um projeto que se anuncia como semente de uma árvore muito necessária: a da irmandade dos que, falando, lendo e sonhando em português, estão dispersos pela Europa”, disse.

Estante de Letrinhas no Facebook: Curta!
Também no Twitter: Siga!
E agora no Instagram: Acompanhe!

A ideia de promover a literatura infantil brasileira no exterior nasceu quando Nara, já morando na Inglaterra, publicou uma série de livros paradidáticos bilíngues – ela é autora de nove infantis e dois adultos. “Sentia muito distanciamento e queria conhecer autores, ouvir suas palestras e participar de oficinas. Comecei a traçar um projeto e um dia lancei por aqui, no Facebook. Tive muito apoio, de muita gente que torce porque vê o valor de programas assim”, diz Nara.

Tudo o que sabemos sobre:

CanalzinhoNara Vidal

Tendências: