‘Velozes e Furiosos 8’ chega aos cinemas rodeado de curiosidades
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

‘Velozes e Furiosos 8’ chega aos cinemas rodeado de curiosidades

Redação Divirta-se

12 Abril 2017 | 16h12

Foto: Matt Kennedy

Sequência estreia em 1400 salas em todo o País. Foto: Matt Kennedy

É possível um filme chegar à oitava sequência e ainda gerar expectativa? Velozes e Furiosos 8 prova que sim. A franquia, uma das maiores do cinema mundial, retorna às telas esta semana (em 1.400 salas do País!) envolta em curiosidades.

A primeira delas é a ausência definitiva do ator e um dos protagonistas, Paul Walker – morto em 2013, antes mesmo da finalização de ‘Velozes e Furiosos 7’, no qual fez sua derradeira aparição.

Outra curiosidade é a estreia de F. Gary Gray (‘Código de Conduta’) na direção, sucedendo o malaio James Wan. E, por fim, o desentendimento entre Vin Diesel e Dwayne Johnson. Os atores teriam brigado durante as filmagens e, até agora, seguem sem se falar. O motivo, no entanto, permanece em segredo.

Coincidentemente, na nova trama, Dom Toretto – personagem de Diesel – enfrenta problemas com seu grupo, chamado de ‘família’. Chantageado por Cipher (terrorista cibernética interpretada por Charlize Theron), ele abandona a esposa Letty em meio à lua de mel e passa a trabalhar para a vilã.

Cipher pretende roubar uma ogiva nuclear russa, para ameaçar as potências mundiais. Por conta disso, a equipe, que estava aposentada, volta à ativa para detê-los.

Cada vez mais, a produção se aproxima da ficção científica, com histórias permeadas de aspectos tecnológicos e também políticos. Mas sem perder de vista o enredo ‘familiar’. O resto segue igual: abundância de velocidade e efeitos especiais.