Uma seleção de bons restaurantes de diferentes culinárias para almoçar em São Paulo
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Uma seleção de bons restaurantes de diferentes culinárias para almoçar em São Paulo

Lucineia Nunes

13 de outubro de 2019 | 10h00

Confira um roteiro com bons endereços para almoçar neste domingo.

Tortelloni de abóbora da Casa Europa. Foto: Angelo Dal Bó

O menu da Casa Europa ultrapassou as fronteiras da Itália e ganhou mais de 20 pratos de outras cozinhas europeias. Não faltam, claro, boas massas como o novo tortelloni de abóbora (R$ 61; foto). Outra sugestão é o  ‘Arroz de Porco’ (R$ 71), preparado com arroz, carne suína desfiada, fava, tomatinhos e torresmo. Al. Gabriel Monteiro da Silva, 726, Jd. America, 3063-5577. 12h/15h e 19h/23h (6ª, 12h/16h e 19h/0h; sáb., 12h/17h e 19h/0h; dom. e fer., 12h/17h e 19h/22h). Cc.: todos. Cd.: todos.

Drinque do Pipo. Foto: Tomas Rangel

Em uma casa agradável e despojada nos fundos do MIS, o Pipo inaugurou seu happy hour com petiscos, sanduíches e drinques servidos de 3ª a 6ª, das 17h às 19h. Para acompanhar o ‘Gin Pipo’ (R$ 35; foto), com gim, tintura de hibisco e alecrim queimado, o menu especial do chef Felipe Bronze traz opções como a pizza de atum cru (R$ 40) e a burrata com tomates tostados na brasa e gaspacho defumado (R$ 46). Av. Europa, 158, Jd. Europa, 3530-1760. 12h/23h (dom., 12h/16h30; fecha 2ª). Cc.: todos. Cd.: todos.

Confira outras dicas de restaurantes em São Paulo:

Novo

Muquifo
A casa da chef Renata Vanzetto é um charme. Fica abaixo do nível da rua e você tem de passar pela cozinha de azulejos cor-de-rosa até chegar à sala com ares de casa de avó. De entrada, tem manjubinhas fritas para molhar na maionese pink (R$ 22, 8 unid.). Outro destaque é o ‘Cavolfiori’ (R$ 45), que traz a couve-flor assada, servida com sálvia, noz-moscada, farelo de pão e creme de parmesão. Na ala dos principais, prove o arroz de carne de panela queimadinho (R$ 66), feito com fraldinha, escarola, paio, cebola, casca de batata frita e aioli de alho assado. No almoço, vigora o menu executivo (R$ 57), com entrada, prato e sobremesa. R. da Consolação, 2.910, Cerqueira César, 98232-7677 (54 lug.). 12h/15h e 19h/23h (sáb., 13h/17h e 19h30/23h30; dom., 13h/17h; fecha 2ª). Cc.: todos. Cd.: todos.

Árabe

Brasserie Victoria
A casa traz o nome da fundadora, Dona Victoria, uma das referências da cozinha árabe em São Paulo. Sua família dirige o restaurante, que abriga uma loja de comida rápida. A esfiha aberta de carne (R$ 6,70, a comum; R$ 10,70, a folhada) e a porção de quibe cru (R$ 38,40), entre outros itens, são ótimos. Para experimentar um pouco de tudo, opte pelo rodízio de pratos árabes (R$ 105). Av. Presidente Juscelino Kubitschek, 545, Itaim Bibi, 3845-8897 (180 lug.). 12h/22h30 (sáb., 12h/23h; dom. e fer., 12h/22h; 2ª, 12h/16h). Cc.: todos. Cd.: todos.

Brasileiro

Dona Lucinha
Quem comanda a casa é Elzinha Nunes. No almoço, ela monta um tradicional bufê (R$ 49,90/R$ 64). Os pratos à la carte também chegam à mesa em porções generosas. Entre as pedidas: frango com quiabo (R$ 87); carne de sol desfiada com abóbora acebolada, arroz, tutu de feijão e couve (R$ 86); e tutu de feijão à mineira, servido com arroz branco, linguiça, lombo, abacaxi frito e couve (R$ 84). Av. Chibarás, 399, Moema, 5051-2050 (96 lug.). 12h/16h (sáb., dom. e fer., 12h/16h). Cc.: todos. Cd.: todos.

Carnes

Parrilla La Recoleta
Julio Escandar passou a infância em Buenos Aires e foi buscar inspiração na cidade para abrir seu restaurante. Instalado em uma casa dos anos 1930, tombada pelo patrimônio histórico, tem cardápio sucinto. Da grelha, saem bons cortes como ‘Ojo de Bife’ (R$ 97) e ‘La Recoleta’ (R$ 129). De 3ª a 6ª, também serve menu executivo, por R$ 49,90. R. Caiubi, 155, Perdizes, 2506-8007 (180 lug.). 12h/15h e 19h/23h (sáb., 12h/17h e 19h/23h; dom. e fer., 12h/17h; fecha 2ª). Cc.: todos. Cd.: todos.

Espanhol

El Carbón
Instalado no terraço do Jardim Pamplona Shopping, o espanhol tem salão elegante, envidraçado e com mobiliário confortável. Lá, vários pratos saem do forno a carvão comandado pelo chef e sócio Marcelo Martino. Para começar, peça os chips de batata-doce com polvo e maionese de açafrão (R$ 44) e os croquetes de linguiça (R$ 33). Dos pratos, destaque para o saboroso peixe do dia com musseline de baroa, leite de coco, banana grelhada e molho de cranberry (R$ 73). Entre as carnes, está o ancho ao molho de gorgonzola e batatas rústicas (R$ 89). O menu traz ainda sanduíches e saladas. Bons drinques e serviço atencioso completam a experiência. R. Pamplona, 1.704, Jd. Paulista, 4171-0727 (80 lug.). 12h/15h30 e 18h30/ 23h (6ª, 12h/15h30 e 19h/0h; sáb., 12h/0h; dom., 12h/22h). Cc.: A, E, M e V. Cd.: todos.

Francês

Freddy
Um francês clássico, fundado em 1935. O cardápio apresenta receitas como ‘Vichyssoise’ (R$ 35) e ‘Steak au Poivre’ (R$ 96). Entre os pescados, experimente o hadoque cozido no leite e servido com molho de manteiga queimada (R$ 159). A casa mantém no almoço um menu executivo com entrada, prato e sobremesa, por R$ 109. R. Pedroso Alvarenga, 1.170, Itaim Bibi, 3167-0977 (70 lug.). 12h/15h e 19h/0h (sáb., 19h/1h; dom., 12h/17h). Cc.: todos. Cd.: todos.

Italiano

Hospedaria
Num antigo e agradável galpão industrial, tem mesas comunitárias, um bar extenso e forno a lenha. Para começar, prove os bolinhos de arroz do dia (R$ 24, 4 unid.). Da lista de principais, destaque para o ‘Risoto de Imigrante’ (R$ 58), com pedaços de frango e de porco, legumes orgânicos, queijo meia cura e, para arrematar, um ovo mole. Durante a semana, o almoço executivo sai por R$ 49. R. Borges de Figueiredo, 82, Mooca, 2291-5629 (70 lug.). 12h/15h e 18h/23h (sáb., 12h/23h30; dom., 12h/17h; 2ª, 12h/15h). Cc.: E , M e V. Cd.: E, M e V.

Mondo Gastronômico
Ocupa uma casa com janelões de vidro, elegante e informal. O menu leva a assinatura de Salvatore Loi e privilegia massas e assados, como a lasanha com ragu de vitela e fonduta de grana padano (R$ 87), e a costela bovina com alho-poró e ravióli de ricota (R$ 71). Durante a semana, o almoço executivo custa R$ 60. R Oscar Freire, 30, Jd. Paulista, 3061-2787 (80 lug.). 12h/15h e 19h/0h (6ª, até 1h; sáb., 12h/17h e 19h/1h; dom., 12h/17h). Cc.: todos. Cd.: todos.

Nino Cucina
A casa charmosa tem cozinha comandada pelo chef italiano Rodolfo de Santis, que executa com precisão pratos como a ‘Carne Cruda’ (R$ 31), cubos de carne fresca com pecorino, alcaparra e rúcula, e o clássico espaguete à carbonara (R$ 53). R. Jerônimo da Veiga, 30, Itaim Bibi, 3368-6863 (96 lug.). 12h/15h e 19h/0h (sáb., 12h/17h e 19h/1h; dom., 12h/22h). Cc.: todos. Cd.: todos.

Japonês

Jam Jardins
A casa tem música ao vivo e ambiente decorado com obras de arte. Uma das opções do cardápio é o combinado com dez sushis e sete sashimis (R$ 111), feitos com os peixes e frutos do mar mais frescos do dia. Destaque também para ‘Shake Hara’, sashimi de barriga de salmão, palha de batata-doce, shoyu, azeite e raspas de limão-siciliano (R$ 55). R. Bela Cintra, 1.929, Jd. Paulista, 3473-3273 (99 lug.). 12h/15h e 19h/1h (sáb., 13h/16h e 19h/1h; dom., 13h/16h e 19h/23h30; 2ª, 19h/0h). Cc.: A, E, M e V. Cd.: A, E, M e V.

Pizzaria

La Pizza
Em média, 2,5 mil pizzas são assadas por semana em um dos restaurantes do supermercado Eataly. Sob a supervisão do pizzaiolo napolitano Rosario Minucci, as redondas levam de 60 a 90 segundos no forno a lenha, de onde saem com corniccione alto e crocante e coberturas clássicas à base de ingredientes pinçados no próprio local, como a linguiça caseira, os cogumelos e os queijos. A ‘Margherita Verace’ (R$ 47) leva molho de tomate, muçarela de búfala, manjericão fresco e azeite extravirgem. Av. Presidente Juscelino Kubitschek, 1.489, V. N. Conceição, 3279-3300 (248 lug.). 11h30/23h (6ª, 11h30/23h30, sáb., 12h/23h30; dom., 12h/23h). Cc.: todos. Cd.: todos.

Maremonti
A rede é reconhecida por suas pizzas certificadas pela Associação dos Pizzaiolos Napolitanos. As redondas de massa média e borda alta e macia são servidas tanto no almoço quanto no jantar. Preparadas com ingredientes importados da Itália, podem ser pedidas no tamanho individual, em sabores que vão da tradicional margherita (R$ 39/R$ 78), com muçarela de búfala fresca, até a ‘Zucchine’ (R$ 53/R$ 106), com abobrinha grelhada, queijo brie e parmesão, um dos hits da casa. R. Padre João Manuel, 1.160, Cerqueira César, 3088-1160 (180 lug.). 11h45/15h30 e 18h/0h (6ª, até 1h; sáb., 11h45/1h; dom., 11h45/0h). Cc.: todos. Cd.: todos.

Suíço

Florina
O cardápio proposto pela família Häfeli é inspirado nos pilares da cozinha Suíça. Mas também incorpora sugestões originárias dos países vizinhos, com receitas alemãs, francesas e italianas. Comece com uma porção de ‘Chüechli’, tortinhas de alho-poró, queijo, cebola e bacon (R$ 39), seguido pelo salsichão de vitela com molho de cebola tostada e batata rosti (R$ 49). Prepara também a clássica fondue de queijo (R$ 130, para dois). R. Cristóvão Pereira, 1.220, Campo Belo, 5041-5740 (55 lug.). 19h/0h (6ª e sáb., 19h/1h; dom., 12h/16h; fecha 2ª). Cc.: todos. Cd.: todos.

Variada

Arturito
A chef argentina Paola Carosella é sócia deste restaurante elegante, onde são servidas receitas simples e bem-feitas, a começar pelo magret de pato curado (R$ 23). Da seleção de pratos, destacam-se, por exemplo, o gnocchi de ricota de búfala, manteiga e sálvia (R$ 69), o capellini com lagosta fresca do Ceará e tomates apimentados (R$ 110), e o peixe fresco em caldo aromático, mexilhões e vôngoles, batatas e aioli (R$ 89). R. Artur de Azevedo, 542, Pinheiros, 3063-4951 (56 lug.). 12h/15h e 19h/23h30 (sáb., 12h30/16h e 19h/23h30; dom., 12h30/16h; 2ª, 19h/23h30). Cc.: todos. Cd.: todos.

La Frontera
A casa informal pertence aos mesmos donos do Martín Fierro. O nhoque de batata assada com queijo azul, creme fresco, alho-poró, ervas frescas e amêndoas (R$ 64), é uma boa pedida. O menu também lista a paleta de porco braseada, com molho, purê de abóbora e farofa de pão (R$ 75), e o ‘Ojo de Bife’, grelhado com batata ao murro e provençal, mandioquinha, tomatinho confitado e molho chimichurri (R$ 109). R. Coronel José Eusébio, 105, Higienópolis, 3159-1197 (62 lug.). 12h/15h e 19h/0h (6ª até 1h; sáb., 12h/0h; dom., 12h/17h). Cc.: todos. Cd.: todos.

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.