Tatuapé: conheça novos bares, restaurantes e lanchonetes que reforçam as (boas) opções da região
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Tatuapé: conheça novos bares, restaurantes e lanchonetes que reforçam as (boas) opções da região

Lucineia Nunes

31 de outubro de 2019 | 15h06

A vida gastronômica e boêmia da região ganha novas opções a cada dia. Visitamos oito endereços abertos no último ano

Ambiente do Cepa, novo restaurante do bairro. Foto: Willian Prado

Cepa

O Cepa imprime novos ares ao Tatuapé com uma cozinha fresca e técnica, mas que não intimida. Do menu enxuto, (quase) tudo é feito na casa, dos ótimos pães e compotas às carnes curadas. A sommelière Gabrielli Fleming cuida do salão e o chef Lucas Dante toca a cozinha desta casa informal, onde faz pratos como o buri cru com raiz forte e ponzu (R$ 36), o mil-folhas de batata com reblochon (R$ 24) e a barriga de leitão crocante e aipim defumado (R$ 52). No jantar, vale pedir o menu-degustação (R$ 120). Já o almoço executivo custa R$ 30, com entrada e prato. R. Antonio Camardo, 895, 2096-0687. 12h/15h e 19h/22h30 (6ª, até 23h; sáb., 12h/16h e 19h/23h; dom., 12h/16h; 2ª e 3ª, 12h/15h).

Marilyn Restaurante

Chef Michel Khodair, do Marilyn. Foto: Isabelle Ribeiro

Aberto apenas no almoço, o Marilyn Restaurante serve uma comida reconfortante em ambiente despretensioso. À frente da cozinha está o chef Michel Khodair, que acumulou experiência em hotéis e preza por preparos feitos na hora, porções generosas e preços amigáveis. O cardápio de inspiração mediterrânea traz boas opções de massas, carnes e peixes, a exemplo do linguine com funghi (R$ 40) e da fraldinha com manteiga defumada e vegetais (R$ 49). O almoço executivo sai por R$ 30,90, com direito a entrada, prato e sobremesa. R. Serra de Botucatu, 613, 2091-7370. 11h30/15h (sáb. e dom., 12h/16h).

Osteria del Rosso

Osteria del Rosso. Foto: Raphael Briest

Na esquina de duas ruas movimentadas do bairro fica a descolada Osteria del Rosso, com serviço informal, jeito de bar e uma cozinha que passeia com destreza por massas e pizzas feitas com farinha italiana. Individuais, as pizzas saem estalando do forno elétrico com massa fininha, borda crocante e nove versões de cobertura. A boa ‘Stracciata’ (R$ 35) leva molho de tomate, burrata, tomate confitado e manjericão. Da seção de massas, a dica é o pappardelle com ragu (R$ 42). Também há carnes, como a ‘Cotoletta Milanesa’ (R$ 59), com risoto de açafrão. A partir das 17h, entram em cena as mesinhas na calçada e o menu de happy hour. Gosta de negroni? Das torneiras do bar saem três receitas sazonais feitas e envelhecidas na casa (R$ 39, a dose). R. Itapura, 1.128, 2097-5715. 11h30/23h (5ª a sáb., 11h30/0h; fecha 2ª).

Zoe Sandwich Shop

Brisket de cupim do Zoe. Foto: Luís Vinhão

Os sanduíches do pequeno Zoe Sandwich Shop recebem do chef Rodrigo Aguiar o mesmo cuidado que ele dispensa aos pratos do Rios Restaurante, inaugurado no bairro em 2016. Os pães são feitos na casa e os ingredientes selecionados de pequenos produtores. Além de aperitivos e dois hambúrgueres, o cardápio traz sete lanches. O delicioso ‘Brisket de Cupim’ (R$ 26), por exemplo, é montado com pão de centeio e cacau e vem recheado com a carne defumada por 48 horas, requeijão baiano, cebola e agrião. Outra pedida, o ‘Hot Chicken’ (R$ 25) combina galinha caipira e maionese de togarashi, no pão de brioche. Para acompanhar, também serve drinques e cervejas. R. Antônio Camardo, 52, 2091-8599. 17h/23h (fecha 2ª).

Dutch Food & Beer

Dutch Food & Beer. Foto: Carlos Patino

Empreitada de sócios de outras casas no Tatuapé, o Dutch Food & Beer é um grande complexo, que garante diversão para diferentes públicos. Há mesas na área externa ideais para o happy hour, mezanino para grupos maiores, jogos de fliperama e até pistas de boliche (R$ 89/R$ 149, a hora, para seis pessoas).

Hambúrguer do Dutch Food & Beer. Foto: Carlos Patino

O cardápio amplo e variado reúne pratos, pizzas, milk-shakes e sanduíches, como o ‘Dutch’ (R$ 35,90), com hambúrguer, queijo prato, bacon, molho de tomate especial e, para arrematar, um ‘pão margherita’. Av. Ver. Abel Ferreira, 1.080, 2507-3819. 16h/0h (6ª, 16h/1h; sáb., 12h/2h; dom., 12h/23h).

Cantagalo Burger

Sanduíche do Cantagalo Burger. Foto: Claudio Roberto

O Cantagalo Burger é a típica lanchonete de bairro, simples e acolhedora, com dois pisos e chapa à vista. Bem-feitos, os hambúrgueres surgem em combinações como a que leva o nome da casa: o grandão ‘Cantagalo Burger’ (R$ 35) vem com dois discos de carne de 180 gramas cada, cheddar, muçarela, bacon, alface, tomate, picles e cebola roxa, no pão de brioche e acompanhado de batatas fritas. R. Cantagalo, 383, 3624-3043. 11h/23h20 (fecha 2ª).

Caspita!

Pizzaria Caspita! Foto: Luís Vinhão

Reduto de outras boas casas, a Praça Ituzaingó ganhou mais um vizinho: a Caspita!, pizzaria de alma jovem, que aposta no autosserviço, com balcões e mesinhas ao ar livre. As redondas são individuais, com massa fermentada por 48 horas, fininha e com borda aerada (uma delícia!).

Pizza da Caspita! Foto: Luís Vinhão

O cardápio traz oito coberturas salgadas, como as clássicas margherita (R$ 29) e calabresa (R$ 33), além de uma versão com doce de leite e sal defumado (R$ 33). R. Demétrio Ribeiro, 594. 18h/23h30 (fecha 2ª).

Mena Gastrobar

Drinque ‘Oscar Wilde’, do Mena Gastrobar. Foto: Alexandre Mendes

O Mena Gastrobar é daqueles lugares para se sentir em casa e, provavelmente, você será recebido pela família da chef Jéssica Teixeira. Ela também se divide entre a cozinha e o salão, com uma disputada área ao ar livre no 2º piso. Do menu, destaque para as ostras frescas com vinagrete de melancia (R$ 27,90, 4 unid.) e a ‘Berinjela do Mena’ (R$ 24,90), com emulsão de tomate e muçarela de búfala. Faz boa companhia o drinque ‘Oscar Wilde’ (R$ 22), um dos hits da carta, com uísque, xarope de especiarias, limão com gengibre e noz-moscada. Pça. Ituzaingó, 42, 2672-2011. 17h30/0h (6ª e sáb., 18h30/1h; dom., 14h/22h; fecha 2ª).

Para (re)visitar

Rios Restaurante: Casa com menu autoral dos chefs Rodrigo Aguiar e Giovanna Perrone. R. Itapura, 1.480, 3213-9030. 12h/ 15h30 (6ª, 12h/15h30 e 19h/23h30; sáb., 12h/16h30 e 19h/23h30; dom., 12h/16h30; fecha 2ª).

Bracia Parrilla: um clássico do bairro, prepara bons grelhados. R. Azevedo Soares, 1.008, 2227-5510. 12h/23h (5ª a sáb., 12h/0h; dom., 12h/22h).

Jordão Bar: elegante e com vários ambientes, serve tapas, porções e pratos, além de diferentes cervejas e drinques. R. Apucarana, 1.452, 2671-0670. 17h/23h (4ª e 5ª, 17h/0h; 6ª, 16h/1h; sáb., 12h/1h; dom., 12h/23h).

Dock Burger: faz hambúrgueres caprichados e um imperdível pudim de leite condensado. R. Demétrio Ribeiro, 605, 2737-8006. 12h/23h30 (fecha 2ª).

Beco SP: o bar despojado serve uma das melhores coxinhas da cidade. R. Serra de Japi, 1.216, 3564-5432. 12h/23h30 (3ª e 4ª, 12h/15h e 18h/23h30; fecha 2ª).

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: