Studio 3 Cia. de Dança apresenta novo espetáculo; confira outras dicas
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Studio 3 Cia. de Dança apresenta novo espetáculo; confira outras dicas

Marina Vaz

17 de setembro de 2015 | 01h10


Coreografia Orpheus

FOTO: Arnaldo Torres/divulgação

Orpheus
Dirigido por José Possi Neto, é o novo espetáculo da Studio 3 Cia. de Dança (foto). A obra conta com a participação de Marilena Ansaldi e mescla músicas de Christoph Gluck, Tom Jobim e Felipe Venâncio. 70 min. Livre. Teatro Alfa (1.100 lug.). R. Bento Branco de Andrade Filho,722, 5693-4000. Hoje (18), 21h30; sáb. (19), 20h; dom (20), 18h. R$ 50/R$80.

Balé da Cidade de São Paulo
Como parte da Temporada de Dança do Alfa, a companhia paulistana apresenta duas coreografias: a inédita ‘Adastra’, criação do catalão Cayetano Soto, e ‘Cacti’, do sueco Alexander Ekman, com trilha executada ao vivo por músicos da Orquestra Experimental de Repertório. 75 min. 12 anos. Teatro Alfa (1.118 lug.).R. Bento Branco de Andrade Filho, 722, S. Amaro, 5693-4000. 5ª (24), 21h; 25/9, 21h30; 26/9, 20h; 27/9, 18h. R$ 40/R$ 100.

Bienal Sesc de Dança
Pela primeira vez, o festival, que está em sua 9ª edição, ocorre em Campinas. O evento reúne 31 espetáculos, com produções brasileiras e de países como Portugal, Áustria, Argentina e França. Hoje (18), às 18h30, por exemplo, há apresentação de ‘Multitude’, espetáculo da uruguaia Tamara Cubas que tem o palco tomado por uma impactante multidão de corpos em luta. Programação completa: http://bienaldedanca.sescsp.org.br. Até 27/9.

Grande Gala ENDA 2015
Com curadoria de Maria Pia Finócchio, o evento promovido pelo Sindicato dos Profissionais de Dança do Estado de São Paulo apresenta 38 coreografias vencedoras no 33º Encontro Nacional de Dança. Entre as modalidades apresentadas, estão balé clássico, contemporâneo, jazz e sapateado. 150 min. 5 anos. Teatro Sérgio Cardoso (835 lug.). R. Rui Barbosa, 153, Bela Vista, 3288-0136. 3ª (22) e 4ª (23), 20h30. R$ 20.

Senha
Com direção de Roberto Amorim, o espetáculo da Cia. Sopro de Dança trata da impessoalidade do mundo contemporâneo, com toque de ironia e humor. A performance faz parte do projeto Dança no MIS. 60 min. Livre. MIS. Auditório (172 lug.). Av. Europa, 158, Jd. Europa, 2117-4777. Sáb. (19), 19h.Grátis (retirar ingresso 1h antes).

Tragédia
Coreógrafo de destaque na cena contemporânea, o francês Olivier Dubois apresenta obra em que 18 bailarinos do Ballet du Nord surgem nus em cena. A coreografia, que estreou em 2012 no Festival de Avignon, já percorreu toda a Europa e fez parte da programação de abertura da Bienal Sesc de Dança, em cartaz na cidade. 90 min. 18 anos. Sesc Pinheiros. Teatro Paulo Autran (1.010 lug.). R. Paes Leme, 195, 3095-9400. 3ª (22) e 4ª (23), 21h. R$ 12/R$ 40.