Conheça o novo Sesc Avenida Paulista e o melhor de sua programação cultural de abertura
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Conheça o novo Sesc Avenida Paulista e o melhor de sua programação cultural de abertura

Redação Divirta-se

26 Abril 2018 | 16h11

Com espaço para exposições, espetáculos e até um mirante, o Sesc Avenida Paulista será inaugurado neste domingo (29). Conheça a unidade e o melhor de sua programação de abertura – toda gratuita

Foto: Amanda Perobelli/Estadão

 

Com 12 mil m² de área construída, um antigo prédio comercial foi adaptado para receber o Sesc Avenida Paulista, unidade que abre as portas neste domingo (29), com programação especial, e que tem capacidade para receber até 18 mil pessoas por semana. Iniciada em 2010, a reforma transformou o prédio de pés-direitos baixos em um local adequado para a circulação do público – além dos seis elevadores, as escadas dispostas na lateral percorrem quase todos os andares, alguns deles com o teto ampliado.

Foto: Amanda Perobelli/Estadão

Nos 17 pavimentos, os espaços são divididos em três eixos – arte, corpo e tecnologias -, que ditam a proposta e o perfil do centro cultural. “Não é para os moradores da Paulista, é para a cidade inteira”, destaca Danilo Santos de Miranda, diretor regional do Sesc São Paulo. Sem piscina e teatro, comuns nas outras unidades, o projeto conta com espaços para shows, apresentações artísticas, práticas corporais, clínica odontológica, biblioteca e Comedoria. E uma de suas principais atrações será o mirante, com boa vista panorâmica para a avenida.

A seguir, saiba mais sobre o novo Sesc e confira a programação – para este e para os próximos fins de semana. Humberto Abdo e Renato Vieira

ONDE: Sesc Avenida Paulista. Av. Paulista, 119, metrô Brigadeiro, 3170-0800.
QUANDO: 9h/22h (dom. e fer., 10h/19h; fecha 2ª).
QUANTO: Grátis.

POR DENTRO DA UNIDADE

Foto: Amanda Perobelli/Estadão

+ No 17º andar, a mais de 60 metros de altura, o Mirante (foto acima) permite uma boa vista panorâmica da cidade. De lá, é possível enxergar toda a extensão da Paulista e pontos famosos da avenida, como o mural gigante com retrato de Oscar Niemeyer, assinado pelo artista Eduardo Kobra. O espaço promete ser um dos pontos mais frequentados da unidade. No mesmo pavimento está o Café-Terraço – já a Comedoria funciona no 16º.

+ A Biblioteca do novo Sesc conta com um acervo de mais de cinco mil títulos, disponíveis para empréstimo – é possível retirar até quatro livros por vez. Além de obras da literatura nacional e estrangeira, livros de poesia e arte, e até quadrinhos, o espaço também oferece equipamentos para digitalização, leitura em braile e ampliador de caracteres. Instalado no 15º andar, o local deve receber oficinas literárias e encontros com escritores e pesquisadores.

Foto: Amanda Perobelli/Estadão

+ No térreo, quem passa na frente da unidade já percebe a Praça (foto acima), espaço multiúso com pé-direito duplo e arquibancadas retráteis. A área foi preparada para receber espetáculos musicais e apresentações artísticas de vários formatos. Para quem chega pela ciclovia, o local tem paraciclo com 43 vagas de bicicleta. À direita, as escadas rolantes operam com um sistema sustentável de regeneração de energia elétrica, para diminuir o consumo.

Foto: Kira Perov

+ O espaço Arte I, localizado no 5º e no 6º andar, será dedicado a exposições – a primeira delas é ‘Bill Viola – Visões do Tempo’ (foto), do videoartista americano, em cartaz até 9/9, com entrada gratuita. E o Arte II, entre o 13º e o 14º andar, poderá ser usado como espaço expositivo e também de espetáculos.

+ A área Tecnologias e Artes fica no 4º andar. A sala receberá experimentações interativas. Até 13/5, a instalação ‘Empatias Mapeadas’, de Guto Requena, ocupa o local. Nela, o frequentador entra em uma espécie de cápsula, onde ouve seus batimentos cardíacos e os de quem está no ambiente com ele.

Foto: Amanda Perobelli/Estadão

+ As salas Corpo estão distribuídas do 10º ao 12º andar. A Corpo I (foto) tem atividades do Programa Sesc de Esportes, enquanto a Corpo II apresenta o Programa de Ginástica Multifuncional. Já a Corpo III é dedicada à prática de pilates. Para as aulas, é necessário se inscrever pelo aplicativo da unidade ou na central de atendimento. Entre maio e junho, quem não é associado do Sesc também pode participar.

Foto: Amanda Perobelli/Estadão

+ O terceiro pavimento abriga o Espaço Crianças (foto), já tradicional nas unidades do Sesc. O da Paulista, porém, tem um diferencial: há atividades para crianças de até 12 anos (a faixa etária das outras unidades é até 6 anos). O espaço conta com brinquedos que convidam pais e filhos a brincarem juntos – e também receberá atrações como contação de história, vivências e performances.

AS PRIMEIRAS ATRAÇÕES

Foto: Marcos Hermes

+ O encontro da Orquestra Heliópolis com Vanessa da Mata (foto), às 12h, é destaque entre as atrações do palco montado, só neste domingo (29), na Rua Leôncio de Carvalho, entre o Sesc e o Itaú Cultural. Às 13h30, Tulipa Ruiz faz show de voz e violão inspirado na obra do poeta Manoel de Barros. E, a partir das 16h, nomes como Emicida, Rael e DJ Nyack fazem o show Avenida Rap Paulista, com direção de Kamau.

Dentro da unidade, a programação de abertura será dividida em faixas de horário. Fafá de Belém e os guitarristas Manoel e Felipe Cordeiro se apresentam no térreo, entre 16h e 19h. No 13º andar, há shows como o do multi-instrumentista Hermeto Pascoal e seu grupo (12h/16h) – que volta a ocorrer na 3ª (1º), entre 16h e 19h – e o de Mahmundi convidando Alice Caymmi (16h/19h).

+ No segundo dia de programação, o bailarino Diogo Granato e o pianista Leandro Cabral apresentam Duet, encontro artístico baseado no improviso. A apresentação ocorrerá no 13º andar, entre 10h e 12h. Siba, Mestre Galo Preto e o Mestre Zé de Teté convidam a cantora Alessandra Leão e o grupo Coco de Oyá para uma performance sobre as diferentes manifestações musicais de Pernambuco, no 13º andar (16h/19h).

Depois de se apresentar domingo (29), entre 16h e 19h, Mauro Braga volta ao térreo com a intervenção cênico-musical Canção do Beco, nesta 2ª (30), das 12h às 16h. Ele parte de versos de Manuel Bandeira para falar sobre liberdade e escolhas individuais. No 3º andar, entre 12h e 16h, a atriz Ana Luisa Lacombe está à frente de Encantos de São Paulo, retratando a história de duas crianças que percorrem a cidade. A contação ainda se repete na 3ª (1º), das 16h às 19h, no mesmo espaço.

Apostando nas improvisações musicais e também no humor, os amigos Maurício Pereira, Wandi Doratiotto e Paulo Freire apresentam o espetáculo Três É Bom, no térreo, entre 16h e 19h. Fechando o dia, a partir das 19h15, o Coletivo Pisa faz um passeio noturno pela Avenida Paulista a partir de histórias de quem a frequentou, desde sua inauguração até os dias de hoje. O ponto de encontro será na frente da unidade.

Foto: Gabriela Biló/Estadão

+ Nome forte da dramaturgia contemporânea, Grace Passô (foto) apresenta trechos de seus textos ‘Vaga Carne’ e ‘Parto’, em ato performático sobre o poder da palavra e do corpo. A ação, que faz parte das atrações de 3ª (1º), será no térreo, entre 12h e 16h.

O mesmo espaço também recebe, das 16h às 19h, o encontro Ritmo e Poesia, mediado pelo poeta Caco Pontes. Nele, a cantora e compositora Karina Buhr e o rapper Thaíde falam sobre as relações entre o hip hop e a literatura.

Já o ator Celso Frateschi faz, no 13º andar, entre 12h e 19h, o  ato cênico ‘A Melhor Hipótese’. Tulipa Ruiz volta a apresentar seu show em homenagem ao poeta Manoel de Barros (14h50), no 13º andar. E o duo Venga Venga mostra suas influências musicais, do folclore ao experimental, por meio de discotecagem e intervenções sensoriais. A apresentação ocorre no térreo, entre 12h e 16h.

PREPARE-SE

+ Entre 10 e 13/5, o Sesc Avenida Paulista recebe uma montagem de Hoje É Dia de Rock, com direção de Gabriel Villela (R$ 9/R$ 30). O texto, escrito por José Vicente, marcou o teatro brasileiro quando foi encenado pela primeira vez, em 1971.

O cantor e compositor Chico César mostra seu lado de contador de histórias, apresentando o livro infantil ‘O Agente Laranja e a Maçã do Amor’, lançado por ele em 2016. A apresentação será nos dias 27/5 e 3/6, com ingressos de R$ 5 a R$ 17. E Ava Rocha faz os últimos shows de seu disco ‘Ava Patrya Yndia Yracema’, em duas datas: 4 e 5/5 (R$ 12/R$ 40).

O público ainda pode consultar a programação da nova unidade por meio de um aplicativo homônimo, já disponível para smartphones dos sistemas Android e iOS. Nele, também há atrações interativas, como um guia sobre a Avenida Paulista.