Prepare-se: Virada do Samba terá 24 horas de shows entre sábado (30/11) e domingo (1/12)
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Prepare-se: Virada do Samba terá 24 horas de shows entre sábado (30/11) e domingo (1/12)

Redação Divirta-se

27 de novembro de 2019 | 10h00

Danilo Casaletti (especial para o Divirta-se)

O Dia Nacional do Samba, celebrado em 2/12, inspira diversas atrações pela cidade. Confira uma seleção de shows ligados ao ritmo

Virada do Samba

Foto: Edinho Alves

+ A cidade recebe, pela primeira vez, a Virada do Samba, com 24 horas ininterruptas de música, desde as 18h de sábado (30) até as 18h de domingo (1º). A programação inclui shows de artistas como Leci Brandão (à meia-noite), Sombrinha (13h), Toninho Geraes (15h30) e Nelson Sargento, que encerra o evento, a partir das 17h15. O som produzido por comunidades como Samba da Vela, Samba de Dandara e O Samba que Vem Lá de São Mateus também terá espaço no evento. Antecipando o carnaval, a bateria da Rosas de Ouro se apresenta e, nos intervalos,  DJs tocam samba, hip hop e música brasileira de várias regiões. Quadra da Escola de Samba Rosas de Ouro. R. Cel. Euclídes Machado, 1.066, Jd. das Graças, 3931-4555. Sáb. (30), 18h, a dom. (1°), 18h. R$ 10/R$ 15.
Ingressos em www.eventbrite.com.br

Outros shows de samba para ver na cidade:

Sambando no Municipal

Foto: Alex Silva/ Estadão

+ Durante todo o mês de dezembro, a Prefeitura promove shows que celebram o samba em diferentes pontos da cidade. Nesta 2ª (2), por exemplo, o especial Sambando no Municipal recebe diversas atrações. A partir das 10h, rodas de samba e apresentações das cantoras Jurema Pessanha e Adriana Moreira e também do Grupo Feitiço de Mulher ocorrem na área externa do teatro. Às 18h, no saguão, tem chorinho com o grupo Regional Mistura – Chorinho Silvillí. E, às 20h, sobem ao palco Fabiana Cozza (foto), Germanno Mathias, Demônios da Garoa, Nãnãna da Mangueira, Thobias da Vai-Vai e as velhas guardas das escolas Nenê de Vila Matilde e Camisa Verde e Branco. Teatro Municipal (1.500 lug.). Pça. Ramos de Azevedo, s/nº, Centro, 3053-2090. 2ª (2), a partir das 10h. Grátis (para o show das 20h, retirar ingresso a partir das 17 h).

Roda de Samba da Pedra do Sal
A Roda de Samba da Pedra do Sal, nascida na área conhecida como ‘Pequena África’, tradicional ponto de encontro do samba, na região central do Rio de Janeiro, junta-se ao compositor baiano Roque Ferreira – que já foi gravado por nomes como Maria Bethânia e Mariene de Castro – para um show especial. Sesc Pompeia. Comedoria (800 lug.).R. Clélia, 93, 3871-7700. Hoje (29), 21h30. R$ 9/R$ 30.

Renata Jambeiro
A cantora e atriz brasiliense apresenta uma roda de samba formada apenas por mulheres. Entre os gêneros escolhidos por elas para animar o público, estão o samba de terreiro, o coco, o samba-afro e a ciranda. Galope e baião também fazem parte do roteiro. A cantora Núbia Maciel faz participação especial. Sesc Bom Retiro. Pça. de Convivência (350 lug.). Al. Nothmann, 185, Bom Retiro, 3332-3600. Dom. (1º), 16h. Grátis.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.