Padarias em São Paulo: casas tradicionais têm desde o clássico sonho até rabanada
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Padarias em São Paulo: casas tradicionais têm desde o clássico sonho até rabanada

Lucineia Nunes

14 de novembro de 2019 | 15h55

O Divirta-se montou um roteiro com 50 boas padarias para conhecer em São Paulo. Abaixo, uma lista de casas tradicionais.

Confira também uma seleção de grandes padarias e de butiques artesanais para visitar na cidade.

A Basilicata – Empório e Padaria

Basilicata. Foto: Sergio Castro/Estadão

Inaugurada em 1914 por imigrantes e ampliada mais recentemente, ganhando café e restaurante. Até hoje, produz pães italianos a partir da receita original, à base de fermento natural, como o filão (R$ 8,80), o redondo (R$ 14) e as roscas recheadas de calabresa com provolone (R$ 31). O ‘Pão de Altamura’ (R$ 12), feito com farinha de sêmola de grano duro, que deixa a casca mais crocante, é uma das novidades na vitrine. Entre os doces, prove o típico cannolo com creme de ricota e o sfogliatelli (R$ 10, cada). R. 13 de Maio, 596, Bela Vista, 3289-3111. 7h30/22h (dom., 7h30/17h).

Aracaju

Na casa do português Alberto de Pinho, mate a saudade das rabanadas (R$ 3,50), feitas diariamente, assim como o bom pastel de Belém (R$ 5,30). Prove também o ‘Travesseiro de Sintra’ (R$ 5,90), tipo de queijadinha com doce de abóbora, e o pão ‘Saloio’ (R$ 1,90), de casca crocante e miolo macio. R. Maranhão, 760, Higienópolis, 3666-8857. 6h/22h30 (sáb. e dom., 7h/22h30).

Barcelona

Inaugurada em 1976, tem uma grande variedade de roscas e pães. No balcão estão a bomba de chocolate e o ‘Parisiense’, uma massa com castanha de caju, creme e calda de chocolate (R$ 7,90, cada). Entre os pães, vale pedir o croissant com presunto e queijo (R$ 8,50). R. Armando Penteado, 33, Higienópolis, 3826-4911. 6h/22h.

Famiglia Franciulli

Nesta casa tradicional, aberta em 1890, não deixe de provar o pão de linguiça recheado com escarola e aliche (R$ 33,50, 600 g). Também fazem sucesso as tortas salgadas com requeijão na massa (R$ 53,70, o quilo), como a de palmito. Já o cannolo (R$ 7,90) ganha recheios variados, como ricota com limão-siciliano. R. do Glicério, 750, Liberdade, 3209-8751. 7h30/20h (6ª e sáb., 7h30/20h30; dom. e fer., 7h30/14h).

Favos D’Mel

Não deixe escapar as boas receitas da família: o bolo de pamonha, de massa cremosa, e o bolo de fubá com goiabada (R$ 27,90, o quilo). O cappuccino (R$ 5,50) faz boa companhia aos quitutes. R. Reims, 594, Jd. das Laranjeiras, 3951-6090. 5h40/22h20.

Fazenda dos Pães

Sempre movimentada, a padaria está próxima ao Estádio do Morumbi. Logo na entrada, ficam as estações de bolos e salgadinhos. A vitrine dos fundos guarda os pães, como o ‘Josefina’, pão francês com parmesão (R$ 31,90, o quilo), e o minipão de queijo (R$ 46,90, o quilo). Entre os doces, fique com o irresistível quindim (R$ 7,90, cada). R. dos Três Irmãos, 579, Morumbi, 3721-1691. 6h/22h.

Gêmel

A matriz, no Paraíso, funciona desde 1970. Ignore o cheirinho de pão francês e as tentações do balcão e suba as escadas, onde é montado o bufê de café da manhã (R$ 59,  o quilo). Uma das opções do salão é a focaccia (R$ 12), servida a partir das 15h. A casa também vende pizzas e sanduíches. R. Teixeira da Silva, 446, Paraíso, 3895-5946. 6h/22h.

A Italianinha

Em funcionamento desde 1896, ainda trabalha com o forno a lenha original, usado para assar os famosos pães com fermento artesanal. As versões recheadas com linguiça ou abobrinha saem por R$ 30, cada. Entre as novidades, está a focaccia de tomate-cereja com cebola roxa (R$ 42, o quilo). R. Rui Barbosa, 121, Centro, 3289-2838. 7h/20h (dom., 7h/15h; 2ª, 14h/20h).

Nova Baruel

Dá para provar salgados e sanduíches direto no balcão. Na área das mesas, é montado o bufê de almoço (R$ 46, o quilo). Entre os espaços, estão dois corredores com tranças, roscas e bolos. Destaque para os pães de queijo (R$ 36, o quilo).  A partir das 11h, entram em cena as fatias de pizza (R$ 6, a de muçarela). Av. Baruel, 400, Casa Verde, 3965-5954. 6h/22h.

Nova Charmosa

Os irmãos Antônio e Manuel Gomes comandam a padaria fundada em 1976. No piso superior, há bufê de café da manhã (R$ 49,50, o quilo). No salão principal, escolha o pão de ló português (R$ 59, o quilo) e a broa com erva-doce (R$ 30, o quilo), para acompanhar o cafezinho. R. Dr. Homem de Melo, 626, Perdizes, 3673-6571. 5h30/0h.

Padaria 14 de Julho

Fundada em 1897, é um misto de padaria e rotisseria. No balcão, há linguiças curtidas no vinho (R$ 70, o quilo). Outros hits são o sanduíche de pernil (R$ 32,90) e o ‘Frolá’, pão recheado com linguiça calabresa, tomate seco, azeitona, muçarela, provolone e berinjela (R$ 44,90, o quilo). R. 14 de Julho, 76, Bela Vista, 3105-3215. 7h/20h30 (dom., 7h/18h).

Padaria Monte Líbano

É a autêntica padaria de bairro, com coxinhas na estufa (R$ 7,50 cada) e geladeira com bolos decorados. Não saia sem levar uma bandeja da ‘Lua de Mel’, pão doce recheado com doce de leite e coberto com coco (R$ 59,90, o quilo). Também faz pães rústicos de fermentação natural (R$ 35/R$ 40, o quilo). Av. Paes de Barros, 1.283, Mooca, 2605-3537. 5h/22h30.

Padaria Santa Branca

Aberta em 1938, monta um caprichado bufê de almoço (R$ 58,90/ R$ 64,90). A partir das 18h, faz sucesso o bufê de sopas (R$ 37,80), com caldo verde e, claro, os ótimos pães. Da seção de doces, prove o pudim de tapioca (R$ 35, o quilo). R. Siqueira Bueno, 2.045, Belenzinho, 2605-8562. 6h/23h.

Padaria Santa Marcelina

Além dos pães de queijo (R$ 59, o quilo), assa um bom pão australiano (R$ 45, o quilo). Do balcão de doces, faz sucesso a tortinha de limão (13,90, cada). Também monta bufê de sopas (R$ 22,90), das 16h às 22h. R. Vieira de Morais, 328, Campo Belo, 5091-8444. 6h/23h.

Panetteria ZN

Do balcão, a coxinha de frango com Catupiry (R$ 7,50) é dos itens mais pedidos. No almoço, as mesas ficam tomadas de gente que aproveita o bufê (R$ 55,90/R$ 62,90). Aberta 24 horas, é boa parada para aplacar a fome durante madrugada. Av. Eng. Caetano Álvares, 4.740, Santana, 2236-6000. 24h.

Pão de Ló

Para acompanhar o croissant na manteiga (R$ 6,50) ou pão de chocolate (R$ 7,50), peça um ‘Expresso Panna’ (R$ 8,90). Nos fins de semana e feriados, serve brunch (R$ 41,90), com sopas, saladas, pratos e bebidas quentes, das 7h às 15h. R. São Carlos do Pinhal, 451, Jd. Paulista, 3288-2949. 6h30/1h30.

Requinte

A tradicional padaria da Penha tem de tudo, desde pão integral feito com farinha orgânica (R$ 31, o quilo) até macarons (R$ 126, o quilo). Serve bufê de café da manhã (R$ 23,90/R$ 35,90) e um saboroso sonho (R$ 32, o quilo), frito na hora. R. Amador Bueno da Veiga, 1.312, Penha, 2958-6965. 6h/22h.

Saint Germain

Sonho da padaria Saint Germain. Foto: Felipe Rau

Os sonhos recheados com creme ou doce de leite (R$ 7,90, o grande; R$ 63, o quilo do míni; foto) estão entre as tentações da padaria. A variedade de carolinas na vitrine também chama a atenção, com sabores como limão, Ninho e brigadeiro (R$ 63, o quilo). Na linha de sanduíches, o ‘Cheesecalifa’ (R$ 24) vem no pão francês sem miolo, com bacon, alface, tomate, queijo e um quibe frito (isso mesmo) inteiro. R. Manuel Guedes, 110, Jd. Europa, 3167-5400. 6h/22h.

Santa Tereza

Fundada em 1872, ficou famosa pela ‘Coxa-creme’ (R$ 8,40) e pela centenária canja (R$ 25,90). A rosca folhada de torresmo (R$ 15,60) também é das mais pedidas. Nos fins de semana e feriados, serve café colonial (R$ 26,90), das 8h30 às 12h. Pça. Dr. João Mendes, 150, Centro, 3101-9631. 6h/22h (sáb., 6h/21h; dom. e fer., 7h/21h).

Villa Colmeia

No ambiente que parece uma casa de inverno, são assados pães de granola (R$ 21,90, o quilo), preparados bolinhos de chuva (R$ 9,90, o quilo) e servidos sanduíches e pizzas. Há ainda bufê de almoço (R$ 49,90, o quilo) e de sopas (R$ 29,90). Av. Jorge João Saad, 406, V. Progredior, 3771-2023. 6h/22h.

Tem uma boa indicação de padaria para incrementar nossa lista? Conte aqui ou compartilhe, no Instagram, marcando @estadaodivirtase.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: