‘O Monstro de Mil Cabeças’ está entre as novidades da semana; confira outras estreias do cinema
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

‘O Monstro de Mil Cabeças’ está entre as novidades da semana; confira outras estreias do cinema

Redação Divirta-se

04 de agosto de 2016 | 19h12

Divulgação

Divulgação

A família paga seguro-saúde há 16 anos mas quando precisa usá-lo descobre que caiu numa arapuca. A situação lhe parece familiar? Bem, a história de O Monstro de Mil Cabeças se passa no México e não no Brasil. Dirigida por Rodrigo Plá (do também muito bom ‘A Zona’), mostra a reação de Sonia (Jana Raluy) à recusa do plano de saúde em atender seu marido, com câncer.
Plá, que filma muito bem, constrói um universo kafkiano em que a pessoa se sente impotente diante do universo sem sentido. De maneira hábil, joga com os tempos: o presente alternado a um futuro em que a personagem é julgada. A câmera é testemunha da ação e muda de ponto de vista de maneira contínua. Como a dizer que a realidade é complexa e cada qual tem sua razão. Se Plá não fica em cima do muro, as conclusões não são impostas. Cabe ao espectador refletir sobre o que viu. Luiz Zanin Oricchio

 

Confira abaixo outras estreias: 

 

Um Amor à Altura (Un Homme à La Hauter, França/ 2015, 98 min.) – Romance. Dir. Laurent Tirard. Com Jean Dujardin, Virginie Efira, Cédric Kahn. Diane é uma advogada divorciada que, depois de perder o celular, recebe uma ligação de alguém que diz tê-lo encontrado. É Alexandre, um homem encantador. Mas o encontro toma um rumo inesperado. 12 anos.

Os Cavaleiros Brancos (Les Chevaliers Blancs, França/ 2016, 112 min.) – Drama. Dir. Joachim Lafosse. Com Vincent Lindon, Louise Bourgoin, Valérie Donzelli. Jacques Arnault, presidente da ONG Move for Kids, tem o objetivo de extraditar crianças órfãs, sob o pretexto de tirá-las de seu país, devastado pela guerra, e levá-las para adoção na França. Porém, este não é o objetivo final da expedição. 12 anos.

Esquadrão Suicida (Suicide Squad, Estados Unidos/ 2016, 130 min.) – Ação. Dir. David Ayer. Com Margot Robbie, David Harbour, Jared Leto. A agência secreta do governo recruta presos para executar perigosas missões em troca de clemência. Mas os recrutas percebem que não foram escolhidos para vencerem – e, sim, para falharem. 14 anos.

Fome (Brasil/2016, 90 min.) – Drama. Dir. Cristiano Burlan. Com Jean-Claude Bernardet, Ana Carolina Marinho, Henrique Zanoni. Caminhando na invisibilidade das ruas de São Paulo, um homem deixa para trás o passado e carrega só um carrinho e alguns trapos. Venceu o prê- mio Especial do Júri no 48º Festival de Brasília. 12 anos.

A Intrometida (The Meddler, Estados Unidos/2016, 102 min.) – Comédia. Dir. Lorene Scafaria. Com Susan Sarandon, Rose Byrne, J.K. Simmons. Depois de ficar viúva, Marnie Minervini vai viver com a filha em Los Angeles, na esperança de começar uma nova vida. 14 anos.

A Loucura Entre Nós (Brasil/2016, 76 min.) – Documentário. Dir. Fernanda Vareille. Inspirado na obra do médico Marcelo Ve- ras, o filme traz um olhar sensível e reflexivo sobre personagens de um hospital psiquiátrico – e discute os limites entre loucura e normalidade. Livre.

O Monstro de Mil Cabeças (Un Monstruo de Mil Cabezas, México/2016, 75 min.) – Drama. Dir. Rodrigo Plá. Com Jana Raluy Sebastián Aguirre Boëda, Hugo Albores. Uma mulher luta desesperadamente para conseguir tratamento médico necessário ao marido doente. Mas, diante da corrupção e má vontade da empresa de seguros, ela decide tomar medidas drásticas para garantir seus direitos. 14 anos.

Negócio das Arábias (A Hologram For The King, Estados Unidos/2016, 98 min.) – Drama. Dir. Tom Tykwer. Com Tom Hanks, Ben Whishaw, Sarita Choudhury. Alan Clay é um empresário americano com problemas financeiros que viaja para a Arábia Saudita na tentativa de evitar a falência. 14 anos.

Vidas Partidas (Brasil/2016, 90 min.) – Drama. Dir. Marcos Schechtman. Com Naura Schneider, Domingos Montagner, Georgina Castro. Graça e Raul têm uma relação ardente. Enquanto ela evolui no trabalho, ele fica desempregado. Para ajudar, Graça pede que seu ex-marido indique, secretamente, Raul para uma vaga de professor. Ao conseguir o cargo, ele se torna possessivo e violento. 16 anos.

Tudo o que sabemos sobre:

cinemaDivirta-se

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: