Novo espetáculo do Balé da Cidade está entre as dicas de dança da semana
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Novo espetáculo do Balé da Cidade está entre as dicas de dança da semana

Júlia Corrêa

08 de março de 2018 | 14h22

É com inspiração na obra de Caetano Veloso que o Balé da Cidade de São Paulo dá início à temporada de 2018, comemorativa dos 50 anos da companhia. O espetáculo ‘Um Jeito de Corpo – Balé da Cidade Dança Caetano’, que forma este primeiro programa, tem coreografia assinada por Morena Nascimento, brasileira radicada na Alemanha, ex-integrante da companhia Tanz Theater Wuppertal, de Pina Bausch. Morena – que recebeu o convite de Ismael Ivo, diretor artístico do grupo – buscou conceber um ‘ritual’ em torno do universo poético do artista, sem se deter a nenhum período específico da carreira dele.

Foto: Rodrigo Fonseca

Referências conhecidas de Caetano – filmes de Fellini e Almodóvar, movimentos como a Tropicália e temas como sexo e negritude – também influenciam a produção, que tem direção musical de Cacá Machado e dramaturgia de Vadim Nikitin.As apresentações vão até 25/3. A companhia volta aos palcos em julho com outras três obras: ‘Trovador’, ‘Frágil’ e ‘Deranged’. Em setembro, é a vez de ‘A Sagração da Primavera’. E, em dezembro, este primeiro espetáculo retorna aos palcos para encerrar a temporada.

120 min. 12 anos. ONDE: Teatro Municipal (1.500 lug.). Pça. Ramos de Azevedo, s/nº, Centro, 3053-2090. QUANDO: Estreia 5ª (15). 5ª a dom., 20h (18/3, 18h). Até 25/3. QUANTO: R$ 20/R$ 80.

CONFIRA OUTRAS DICAS

Brincando com a Tempestade
Na primeira performance do programa Dança no MIS de 2018, Andreza Aguida usa a tempestade como metáfora para ilustrar a força do poder feminino. 60 min. Livre. MIS. Auditório (172 lug.). Av. Europa, 158, Jd. Europa, 2117-4777. Sáb. (10), 19h. Grátis (retirar ingresso 1h antes).

O Canto da Minha Terra
Neste espetáculo, o tradicional grupo Ballet Stagium tenta evocar, por meio da dança, a poesia que permeia a obra de Ary Barroso. A música do compositor é o fio condutor da coreografia. 60 min. Livre. Teatro Arthur Azevedo (349 lug.). Av. Paes de Barros, 955, Mooca, 2605-8007. 6ª (9) e sáb. (10), 21h; dom. (11), 20h. Grátis.

O Eterno Voo de Dr. Faustroll
Dirigida por João Andreazzi, o espetáculo da Cia. Corpos Nômades é baseado na obra de Alfred Jarry e conta a história do Dr. Faustroll, inventor da ‘patafísica’ – ciência das soluções imaginárias e das leis que regulam as exceções. 110 min. 14 anos. Espaço Cênico O Lugar (65 lug.). R. Augusta, 325, Consolação,
3237-3224. Estreia sáb. (10). Sáb., 21h; dom., 19h30. R$ 20. Até 22/4.

Urban Feral
O Núcleo Improvisação em Contato, com concepção de Nita Little e direção de Ricardo Neves, apresenta espetáculo que aborda temas como instintos primitivos e relações de poder. 50 min. Livre. Galeria Olido. Sala Paissandu (136 lug.). Av. São João, 473, metrô República, 3397-0171. 6ª e sáb., 20h; dom., 19h. Grátis (retirar ingresso 1h antes). Até dom. (11).

Tudo o que sabemos sobre:

dançaBalé da CidadeTeatro Municipal

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: