Mostras de Cristina Ataíde e Felipe Goes estão entre as inaugurações da semana
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Mostras de Cristina Ataíde e Felipe Goes estão entre as inaugurações da semana

Celso Filho

02 de junho de 2016 | 17h02

Pintura 286_2016

Foto: divulgação

+ A Galeria Virgílio reúne paisagens em duas mostras paralelas, que inauguram nesta quarta-feira (8). De um lado, o brasileiro Felipe Goes retrata suas paisagens imaginárias em pinturas inéditas (foto), feitas com tinta acrílica e guache. Do outro, pequenas esculturas e desenhos da portuguesa Cristina Ataíde, inspiradas em uma viagem da artista pela Serra do Mar. R. Dr. Virgilio de Carvalho Pinto, 426, Pinheiros, 2373-2999. 10h/19h (sáb., 11h/17h; fecha dom.). Inauguração: 4ª (8), 19h30. Grátis. Até 23/7.

Ana Paula Oliveira. Na individual ‘Círculo de Giz e um Pouco sobre Sólidos’, a artista con- tinua a trabalhar com vidro, chumbo e taxidermia em pesquisas so- bre o espaço. Todas as obras remetem a algum tipo de movimento, como ‘Série Vistaña’, em que pássaros ‘empalhados’ parecem alçar voo. Galeria Marcelo Guarnieri. Al. Lorena, 1.966, Jd. Paulista, 3063-5410. 10h/19h (sáb., 10h/17h; fecha dom.). Inauguração: sáb. (4), 13h. Grátis. Até 15/7.

Deco Adjiman. Em ‘Eu, Mesmo: Outro’, o artista se volta para o ofício de tradutor por meio dos objetos, instalações e esculturas expostos. Em ‘Pidgin’, por exemplo, o cruzamento de palavras de origem africana, indígena e portuguesa é representado pelo jogo de palavras cruzadas. Galeria Sé. R. Roberto Simonsen, 108, Centro, 3107-7047. 11h/19h (sáb., 12h/17h; fecha dom. e 2ª). Inauguração: sáb. (4), 11h. Grátis. Até 6/8.

+ Na programação do Experimenta Portugal, uma mostra exibe a produção artística de jovens brasileiros e portugueses que residem no Brasil. São nomes como Rita Natálio e Joana Levi (foto), Filipe Barrocas e Flávia Vieira. Consulado Geral de Portugal. R. Canadá, 324, Jd. América, 3084-1800. 10h/18h (fecha sáb. e dom.). Inauguração: 6ª (3). Grátis. Até 30/6.

Giovanna Nucci. Na mostra ‘Paisagens Interrompidas’, estão reunidas 16 obras recentes, sob a curadoria de Mario Gioia. Nas fotografias, Giovanna elege paisagens e as modifica, questionando noções de foco e enquadramento. Monica Filgueiras Galeria. R. Bela Cintra, 1.533, Jd. Paulistano, 3082-5292. 10h/19h (sáb., 10h/14h30; fecha dom.). Inauguração: 3ª (7), 19h. Grátis. Até 7/7.

Guilhermo von Plocki. O artista argentino-alemão, contemplado pelo Prêmio Destaque Migrantes Latino-americanos de 2015, realiza a retrospectiva ‘Sem Retorno – 9 Anos’. Em 15 obras, Von Plocki aborda o individualismo, a fragmentação social e a destruição da natureza, entre outros temas. Instituto Cervantes. Av. Paulista, 2.439, Cerq. César, 3897-9600. 10h/21h (sáb., 9h/15h; fecha dom. e 2ª). Inauguração: 5ª (9), 19h. Grátis. Até 7/7.

Os Jardins e a Cidade. A exposição se volta para as fotografias tiradas pela família Müller em viagens a São Paulo, Curitiba, Rio de Janeiro e Recife, cada uma com seu jardim botânico. Nas 28 imagens, é abordada a relação entre a intervenção humana e a natureza. Há lançamento de livro na abertura. Jardim Botânico de São Paulo. Av. Miguel Stéfano, 3.687, Água Funda, 5067-6300. 9h/17h (fecha 2ª). Inauguração: dom. (5). R$ 5. Até 5/10.

Juliana Kase. Em ‘Campo de Dispersão’, a artista se inspira em aparelhos de visualização de imagem contemporâneos, como o celular, o tablet e os monitores. Fotografias inspiradas na emissão de luz dos aparelhos e uma instalação integram a exposição. Galeria Pilar. R. Barão de Tatuí, 389, V. Buarque, 3661-7119. 11h/19h (sáb., 11h/17h; fecha dom. e 2ª). Inauguração: sáb. (4), 11h. Grátis. Até 23/7.

Museu da Casa Brasileira. O museu inaugura duas mostras que abordam o espaço urbano. Na instalação ‘Leonardo Finotti: Rio Enquadrado’, são exibidas 80 fotografias do Rio feitas pelo artista. Já ‘Antes que Acabe’, de João Galera, é composta por desenhos de prédios e casas que resistem à especulação imobiliária na cidade. Museu da Casa Brasileira. Av. Brig. Faria Lima, 2.705, Jd. Paulistano, 3032-3727. 10h/18h (fecha 2ª). Inauguração: sáb. (4), 11h. R$ 7 (sáb., dom. e fer., grátis). Até 3/7.

Pedro Varela. Na mostra, o artista continua a explorar o imaginário tropical e suas representações. São expostas pinturas em preto e branco, em que Varela insere personagens reais e fictícios, rodeados por flores e plantas. Zipper Galeria. R. Estados Unidos, 1.494, Jd. América, 4306-4306. 10h/19h (sáb., 11h/17h; fecha dom.). Inauguração: 5ª (9), 19h. Grátis. Até 2/7.

Rosilene Fontes. Em ‘Uma História da Infância’, a artista se inspira em fábulas atribuídas a Leonardo da Vinci. Os desenhos, colagens e objetos têm influência de sua criação interiorana em Fontes em Muriaé (MG). Dconcept Escritório de Arte. Al. Lorena, 1.257, Jd. Paulista, 3085-5006. 14h/19h (sáb., 11h/ 15h; fecha dom.). Inauguração: sáb. (4), 12h. Grátis. Até 2/7.

Verve Galeria. A coletiva ‘Pulso’, com curadoria de Ian Duarte Lucas, explora a arte urbana com obras de 20 grafiteiros, como Alto Contraste, Boletabike, Derlon e Mateus Dutra. Na mostra, eles expõem obras em que interpretam o atual momento político do País. R. Lisboa, 285, Jd. Paulista, 2737-1249. 10h/20h (fecha dom.). Inauguração: 3ª (7), 19h. Grátis. Até 31/7.

Especial

Diálogos Sobre o Feminino – Contextos Brasileiros nas Artes Visuais. Quatro encontros realizados no CCBB se propõem a debater o feminino e questões de gênero. Além de conversas com as escritoras e pesquisadoras Heloísa Buarque de Hollanda e Ana Mae Barbosa, haverá performances de Luana Aguiar, Camila Bacellar e Silvia Moura, entre outras. CCBB. R. Álvares Penteado, 112, Centro, 3113-3651. 5ª (9) a 12/6, 18h30 e 19h; 13/6, 17h e 18h. Grátis.

Jailton Moreira. A Bolsa de Arte lança ‘Truco’, um objeto do artista. A obra é composta por uma caixa negra com 30 flipbooks, cada qual mostrando um ponto de vista de uma cena de jogo de truco. A edição é limitada a 300 caixas assinadas e numeradas. Bolsa de Arte. R. Mourato Coelho, 790, V. Madalena, 3097-9673. Sáb. (4), 11h. Grátis.

A Outra. A primeira edição da feira de arte independente é realizada na Casa Contemporânea. Estarão lá obras de Lucia Quintilianom, Lucimar Bello e Marcia Gadioli (e os próprios artistas negociam suas peças). Casa Contemporânea. R. Capitão Macedo 370, V. Clementino. Sáb. (4), 14h/22h. Grátis.

São Paulo Photo Week. A feira se apresenta como um meio de distribuição do trabalho de fotógrafos jovens. Além de obras de nomes como Ulisses Matandos e Suzana Mendes, o evento tem discotecagem,
gastronomia e bar. R. Fidalga, 184, V. Madalena. 2ª (6) a 11/6, 10h/20h. Grátis.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: