Mostra sobre desenho reúne obras de grandes nomes, como Picasso, Degas e Grosz
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Mostra sobre desenho reúne obras de grandes nomes, como Picasso, Degas e Grosz

Redação Divirta-se

29 de junho de 2017 | 18h00

Foto: Reprodução George Grosz/Acervo Fundación Mapfre

Com 59 desenhos, a mostra Tesouros da Coleção Fundação Mapfre: Obras Sobre Papel apresenta trabalhos feitos desde o final do século 19 até meados do século 20.

A coleção marca um período em que o desenho assumia o papel de meio criativo para a execução de obras finais, mas também de formato independente, como um objeto artístico pleno.

Entre os importantes nomes que compõem o acervo estão Pablo Picasso, Edgar Degas, Auguste Rodin, Henri Matisse e Paul Klee. Uma das obras é ‘Uma Tarde em Berlim’ (1929), de George Grosz, com aquarela, grafite e tinta sobre papel (foto).

A exposição, que ocupa agora o Museu Lasar Segall, já passou por diversos países nos últimos 20 anos – como Cuba, Espanha, França e Estados Unidos.

ONDE: Museu Lasar Segall. R. Berta, 111, V. Mariana, 2159- 0400. QUANDO: Inauguração: 4ª (5). 11h/19h (fecha 3ª). Até 28/8. QUANTO: Grátis.

Confira outras inaugurações da semana:

Compassos Paralelos
Com 11 fotografias em grande formato, a mostra é a primeira individual de Yuri Seródio e retrata a memória de espaços importantes para o artista, como o Teatro de Santa Isabel, em Recife (foto). Luis Maluf Art Gallery. R. Peixoto Gomide, 1.887, Jd. Paulista, 2367-3437. Inauguração: 5ª (6). 11h/20h (sáb., 11h/18h; fecha dom. e 2ª). Grátis. Até 31/7.

Elliot Erwitt
A relação entre cães e seus donos é o tema da exposição ‘Vida de Cão’. Prestes a completar 89 anos, o fotógrafo apresenta 50 imagens com registros irreverentes do melhor amigo do homem, clicados em vários países. Centro Cultural Fiesp. Av. Paulista, 1.313, metrô Trianon-Masp. Inauguração: 3ª (4). 10h/20h. Grátis. Até 24/9.

Interiores
Dan Coopey apresenta esculturas com fibras de palmeiras, muito usadas na fabricação de objetos domésticos, como móveis e cestas. O artista levanta questões como o limite entre objeto de arte e artesanato e a produção de artefatos indígenas na atualidade. Pivô. Ed. Copan. Av. Ipiranga, 200, loja 54, República, 3255-8703. Inauguração: sáb. (1º). 13h/19h (fecha dom. e 2ª). Grátis. Até 2/9.

O Pulsar
A mostra sobre a obra de Augusto de Campos reúne trabalhos feitos entre 1975 e 1983, com versões originais de poemas do escritor – um recorte que revela sua transição artística entre o analógico e o digital. Luciana Brito Galeria. Av. 9 de Julho, 5.162, Jd. Paulista, 3842-0634. Inauguração: sáb. (1º). 10h/19h (sáb., 11h/18h; fecha dom. e 2ª). Grátis. Até 22/7.

Religiosidade em Israel Através de Lentes Drusas
Com o olhar de sete fotógrafos drusos, comunidade presente no Oriente Médio, o tema da mostra é a vida religiosa em Israel. São cerca de 40 fotos de cerimônias e demonstrações de fé e da diversidade de crenças no país. Museu de Arte Sacra. Av. Tiradentes, 676, metrô Tiradentes, 3326-5393. Inauguração: 3ª (4). 9h/17h (fecha 2ª). R$ 6 (sáb., grátis). Até 27/8.

Valdirlei Dias Nunes
Em ‘Pinturas e Relevos Recentes’, o artista exibe esculturas, desenhos e pinturas. Nas obras, composições geométricas abstratas revelam representações sutis de objetos cotidianos, como grades e redes. Casa Triângulo. R. Estados Unidos, 1.324, Jd. Paulista, 3167-5621. Inauguração: sáb. (1º). 10h/19h (fecha dom.). Grátis. Até 5/8.