Jô Soares dirige peça sobre encontro entre Freud e Dalí
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Jô Soares dirige peça sobre encontro entre Freud e Dalí

Redação Divirta-se

05 de maio de 2016 | 18h22

histeria meia pagina cred priscila pradediv

FOTO: Priscila Prade/divulgação

LEIA MAIS | Confira o roteiro completo de Teatro e Dança

Em 1938, o pintor surrealista Salvador Dalí visita Sigmund Freud. O pai da psicanálise já está doente, à beira da morte. É esse encontro histórico (e improvável) o mote de Histeria, peça que estreia hoje (6), no Tuca.

Escrita pelo britânico Terry Johnson, a obra já mereceu direção de John Malkovich. Aqui, quem assina a encenação é Jô Soares – que também se encarregou da tradução do texto.

Durante o episódio retratado no espetáculo, Freud havia recentemente escapado da Europa nazista e estabelecera-se na Inglaterra. Nesse contexto, surgem duas personagens que questionam as certezas do médico (Pedro Paulo Rangel). Simultaneamente, a obra de Dalí (Cássio Scapin) é satirizada numa visão auto parodiada dele. 105 min. 14 anos.

ONDE: Tuca (672 lug.). R. Monte Alegre, 1.024, Perdizes, 3670- 8455.
QUANDO: Estreia hoje (6/5). 6ª e sáb., 21h; dom., 19h. Até 31/7.
QUANTO: R$ 50/R$ 70.

Mais conteúdo sobre:

histeriajô soaresTuca