Drama de Polanski está entre as estreias de cinema da semana
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Drama de Polanski está entre as estreias de cinema da semana

Rafael Sousa Muniz de Abreu

24 Setembro 2015 | 17h22

 

Polanski Pele de Vênus

Foto: Divulgação

Com A Pele de Vênus, Roman Polanski obtém o máximo de elementos mínimos. Um mundo inteiro de complexas relações humanas e sexuais surge do encontro entre uma atriz e um diretor, ambos encerrados em um teatro de Paris.

O filme é adaptado da peça do diretor norte-americano David Ives que, por sua vez, fez a versão teatral do polêmico romance de Leopold Sacher-Masoch (1836-1895). Explorando o tema do prazer obtido pelo par dominação-submissão, o autor austríaco deu origem ao termo “masoquismo”. No caso do filme, temos o espaço vazio do teatro, que o diretor Thomas (Matthieu Amalric) está prestes a abandonar depois de um dia exaustivo testando atrizes para sua nova peça. Que peça? Ora, justamente ‘A Pele de Vênus’. Chove, é tarde, e esbaforida, chega mais uma candidata ao papel, Vanda (Emmanuelle Seigner, mulher de Polanski).

Ele não quer atendê-la, ela insiste. Parece vulgar, mas, quando começa a recitar o papel, Thomas descobre que encontrou sua atriz. A identificação é total. A tal ponto, que o jogo de sedução e dominação, do texto, passa a acontecer entre os dois. Imaginário e real se confundem. Polanski, brilhante, comenta, através de um texto clássico, os jogos de poder e sedução do nosso mundo contemporâneo. Luiz Zanin Oricchio. 

 

 

Baseado em histórias reais, Evereste acompanha duas expedições, lideradas por Scott Fischer (Jake Gyllenhaal) e Rob Hall (Jason Clarke), na tentativa de escalar a montanha mais alta do mundo.
O caso ganhou notoriedade com a publicação de ‘No Ar Rarefeito’, relato do jornalista Jon Krakauer, interpretado por Michael Kelly no longa.

 

Grande vencedor do Festival do Rio de 2011, A Hora e a Vez de Augusto Matraga é baseado na obra de João Guimarães Rosa. O protagonista (João Miguel) é um fazendeiro arrogante e mulherengo que, quase falido, é abandonado pela mulher. Ao tentar vingança, passa por um episódio violento que muda sua vida.

OUTRAS ESTREIAS

Cativas – Presas Pelo Coração
(Brasil/2013, 77 min.) – Documentário. Dir. Joana Nin. A história de sete mulheres apaixonadas por presidiários.

Hotel Transilvânia 2
(Hotel Transylvania 2, EUA/2015, 106 min.) – Animação. Dir. Genndy Tartakovsky. Na continuação da franquia, Drácula está preocupado com seu neto meio vampiro – ele deseja que o lado monstro da criança apareça.

Orestes
(Brasil/2015, 93 min.) – Documentário. Dir. Rodrigo Siqueira. A partir da ditadura militar e da violência policial, o filme faz uma adaptação da tragédia grega de Ésquilo à realidade brasileira.

A Pele de Vênus
(La Vénys à la Fourrure, França/2013, 97 min.) – Drama. Dir. Roman Polanski. Com Emmanuelle Seigner, Mathieu Amalric. A atriz Vanda tenta convencer o diretor Thomas a escolhê-la para o papel de protagonista numa peça inspirada na obra de Sacher Masoch.

O Samba
(Brasil/2014, 82 min.) – Documentário. Dir. Georges Gachot. Para falar sobre o samba, Gachot convida Martinho da Vila a apresentar a história da sua escola de coração, a Unidos de Vila Isabel.

Um Senhor Estagiário
(The Intern, EUA/2015, 121 min.) – Comédia. Dir. Nancy Meyers. Com Robert De Niro, Anne Hathaway, Rene Russo. Aos 70 anos, Ben está entediado com a vida de aposentado. Para sair do marasmo, decide se tornar um estagiário em um site de moda.

O Vinho Perfeito
(Vinodentro, Itália/2014, 100 min.) – Suspense. Dir. Ferdinando Vicentini Orgnani. Com Vincenzo Amato, Giovanna Mezzogiorno, Lambert Wilson. Giovanni, um respeitado especialista em vinhos, é acusado de matar sua mulher.

Confira o roteiro completo de cinema.