Divirta-se: 6 parques de trampolim para aproveitar em São Paulo
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Divirta-se: 6 parques de trampolim para aproveitar em São Paulo

Redação Divirta-se

08 Novembro 2018 | 17h05

Piscinas com cubos de espuma amenizam a queda. Camas elásticas em sequência desafiam a gravidade. Os parques de trampolim estão se espalhando pela cidade – e o Divirta-se visitou seis deles

Humberto Abdo e Luciana Lino (especial para o Estado)

Altitude Park. Foto: Humberto Abdo/Estadão

+ Mais de 50 camas elásticas interligadas fazem parte da estrutura do Altitude Park (foto acima), que, desde setembro de 2016, ocupa um galpão na zona leste da cidade. Músicas nacionais e ritmos como eletrônica e funk costumam animar a brincadeira de crianças e adultos no local.

Além dos ‘trampolins’, a casa conta com duas cestas de basquete e uma parede de escalada, bem desafiadora para os iniciantes – a dica de uma das monitoras é começar pelo lado direito, “um pouco mais fácil”. Posicionada em frente à parede, a piscina de espuma amortece as quedas dos menos experientes.

A iluminação é um charme à parte: luzes negras ajudam a destacar os tons alaranjados dos equipamentos, assim como as pinturas com tinta néon das paredes. O efeito fica ainda mais evidente para quem visita o espaço durante a noite.

E, para quem quiser aplacar a fome após o exercício, o parque conta com uma pizzaria nos fundos, a The Famous Pizza Good, com cardápio que conta também com hambúrgueres e milk-shakes. Av. Dr. Eduardo Cotching, 410, Tatuapé, 2385-2640. 13h/21h (6ª, sáb. e fer., 11h/22h; dom., 11h/ 21h). R$ 45/R$ 50 (meias: R$ 15). Vendas pelo site: www.altitudepark.com.br

Gravidade Park. Foto: Luciana Lino/Estadão

+ Com estrutura de 780 m² – sendo 404 m² deles dedicados a camas elásticas e piscinas de espuma –, o Gravidade Park conta com diversas atividades, como slackline, batalha de cotonetes, queimada e área para enterradas, que ocorrem em três cestas de basquete de níveis diferentes. Para quem quiser se aventurar, a área inspirada em parkour conta com uma estrutura firme no meio, chamada de cavalo, que serve de obstáculo para saltos.

Uma ampla piscina de espumas revestidas é a base para dois dos destaques: a parede de escalada (foto acima), realizada sem o uso de equipamentos; e um trampolim de 1,60 m, o único de onde podem ser realizados os chamados ‘saltos mortais’. Por fim, uma área infantil para crianças de 3 a 5 anos conta com uma pequena piscina de espumas e duas caminhas elásticas.

Cerca de oito monitores ficam no local, inaugurado em julho de 2017. Muito prestativos, eles ensinam a tirar melhor proveito do espaço. Há armários de uso gratuito e uma pequena lanchonete conta com opções de bebidas, salgadinhos e pipoca. R. Tabor, 596, Ipiranga, 2065-7737. 12h/20h (sáb., dom. e fer., 10h/20h; fecha 2ª). R$ 45 (meias: R$ 20). Vendas pelo site: www.gravidadepark.com.br

Impulso Park. Foto: Humberto Abdo/Estadão

+ Cerca de 1.200 m² compõem o Impulso Park, um dos mais coloridos do roteiro – além de estruturas nas cores rosa, amarelo e azul, o local tem pinturas em néon pelas paredes, que brilham quando o parque apaga as luzes, sempre nos últimos minutos de cada sessão. Às sextas-feiras e aos sábados, o local assume a iluminação néon das 20h às 22h, na sessão especial chamada de ‘Glow Party’.

Só as fileiras de camas elásticas ocupam 600 m², com algumas delas dispostas, inclusive, em posição vertical. Além desses ‘trampolins’, o espaço tem cestas de basquete, parede de escalada, piscina de espuma e uma área para batalhas de cotonete, em que dois participantes tentam derrubar um ao outro com bastões de espuma.

Bem no meio, uma área com piso inflável conta com pequenos circuitos de equilíbrio e escalada (foto acima), ideal para crianças menores. E, na lateral da piscina, uma fita de slackline completa a brincadeira. R. Dr. Alfredo de Castro, 160, Barra Funda, 3892-0758. 13h/22h (sáb. e fer., 10h/22h; dom., 10h/20h; fecha 2ª). R$ 41/R$ 46 (meias: R$ 15). Vendas pelo site: www.impulsopark.com.br

Up Trampolim Park. Foto: Luciana Lino/Estadão

+ Inaugurado em março de 2017, o Up Trampolim Park ocupa 600 m² em sua sede de Alphaville (foto acima), a primeira da rede. As brincadeiras se dividem entre queimada, batalha de cotonetes, escalada, enterradas, saltos e slackline. A área de obstáculos, chamada Ninja, está em manutenção. Por conta disso, a casa dá mais 30 minutos de brincadeira como cortesia, totalizando 1h30 de sessão.

Cinco instrutores se dividem em diferentes áreas do local, que também conta com espaço para crianças entre 3 e 5 anos. Além dos ‘trampolins’, o parque possui fliperamas e brinquedos que funcionam por meio de ficha (R$ 4, cada). Bebidas e petiscos fazem parte do cardápio do bar, e os armários custam R$ 2. Durante o mês de novembro, tem promoção: às segundas, terças e quartas-feiras, a sessão sai por R$ 29,90.

Com equipe solícita e espaço confortável, o único porém são as espumas da piscina, não revestidas – elas acabam soltando pequenos pedaços, que grudam na meia. Mas nada que impeça a diversão, embalada por músicas animadas nos alto-falantes. Av. Tamboré, 865, Tamboré, 4375-3717. 13h/21h (6ª, 13h/22h; sáb., 11h/22h; dom., 11h/20h). R$ 45/R$ 50 (meias: R$ 15). Vendas pelo site: www.go2up.com.br

Urban Motion. Foto: Luciana Lino/Estadão

+ No Urban Motion, uma área de 900 m² é reservada às atividades de salto na unidade Santo Amaro – a mais antiga da rede, inaugurada em abril de 2016. Além das brincadeiras usuais, como slackline, piscina de espuma, queimada, cesta de basquete (foto acima), também há uma área para pular corda, atividade coordenada por um instrutor. Para quem gosta de obstáculos, as chamadas ‘paredes de dificuldade’ permitem saltar de um muro menor para um maior.

São três monitores disponíveis para cada dez usuários do local – que não possui uma área específica para as crianças pequenas. A entrada sem acompanhante no parque pode ser feita a partir dos 4 anos.

Uma boa surpresa é que o espaço tem também planos mensais, com sessões diárias de até duas horas, que custam de R$ 99,90 (4 vezes por semana, de 2ª a 5ª) a R$ 149,90 (7 vezes por semana) – uma boa opção para quem quer praticar uma atividade física e aprimorar sua performance. R. Dr. Rubens Gomes Bueno, 288, S. Amaro, 4280-8539. 14h/20h (sáb., dom. e fer., 10h/20h). R$ 44/R$ 49 (meias: R$ 15). Vendas pelo site: www.urbanmotion.com.br

Jumpmania. Foto: Humberto Abdo/Estadão

+ Inaugurado em julho de 2017, o Jump Mania fica dentro do Shopping Aricanduva, bem ao lado do Playcenter Family. Lá dentro, é quase impossível conter a vontade de sair correndo (e pulando, claro) entre uma cama elástica e outra – o espaço é enorme e o pé-direito, bem alto.

A estrutura do parque totaliza 2.500 m², o suficiente para deixar qualquer um cansado. Até os monitores, que ostentam ótimo fôlego e surpreendem as crianças com algumas cambalhotas e manobras ousadas, acabam suando durante as sessões da brincadeira.

O espaço tem uma piscina de espuma, a chamada ‘foam pool’, local perfeito para praticar algumas acrobacias ao mergulhar. Bem ao lado, um pequeno circuito infantil testa o equilíbrio dos pequenos e é revestido por um piso inflável laranja (foto acima). Uma outra área reúne quatro cestas de basquete, posicionadas em alturas diferentes e com trajetos individuais de cama elástica que levam até a altura da tabela – o que, além de garantir impulso extra para a jogada, facilita a realização de enterradas.  Shopping Aricanduva. Av. Aricanduva, 5.555, V. Matilde, 2059-1813. 10h/22h (sáb., 10h/23h; dom., 10h/21h). R$ 35/R$ 50 (meias: R$ 20). Vendas pelo site: www.ingressorapido.com.br

FIQUE ATENTO

+ Em todos os parques, crianças a partir de 3 anos e adultos são bem-vindos. E muitos possuem área exclusiva para os menores.

+ A entrada é cobrada por sessões, de hora em hora. Além da compra no local, também é possível garantir o ingresso pela internet.

+ Nos espaços, o uso de meias antiderrapantes é obrigatório – e dá para levar de casa ou comprar no próprio local.