Dia da Consciência Negra: dez atrações para aproveitar o feriado em São Paulo
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Dia da Consciência Negra: dez atrações para aproveitar o feriado em São Paulo

Redação Divirta-se

19 de novembro de 2019 | 16h18

Jorge Ben Jor
Um palco na Praça da República traz shows para comemorar a data, como o do cantor e compositor Jorge Ben Jor. Drik Barbosa (acompanhada dos DJs KL Jay e Nyack) e o Bloco Afirmativo Ilu Inã, com a participação da cantora Tássia Reis e de Melvin Santhana, também participam da celebração. 4ª (20), 14h. Grátis.

Preta Jazz Festival
O Auditório Ibirapuera recebe o festival com apresentações gratuitas de nomes como Amaro Freitas Trio, Ana Karina Sebastião e Lenna Bahule. Pq. Ibirapuera. Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº, portão 2). 4ª (20), 17h. Grátis.

Fabiana Cozza
No ‘Show dos Santos’, a cantora interpreta músicas sobre o universo da mitologia africana. Sesc 24 de Maio. Teatro (216 lug.). R. 24 de Maio, 109, metrô República, 3350-6300. 4ª (20), 18h. R$ 9/R$ 30. Cc.: D, E, M e V. Cd.: D, E, M e V.

Mateus Aleluia
Cantor, compositor, violonista e percussionista, Aleluia versa sobre temas como a cultura afro-brasileira, o Candomblé e a filosofia. No show, ele apresenta canções que gravou ao longo da carreira. Sesc Belenzinho. R. Pe. Adelino, 1.000, Belenzinho, 2076-9700. 4ª (20), 18h. R$ 9/R$ 30. Cc.: D, M e V. Cd.: todos.

Mariene de Castro

A cantora Mariene de Castro. Foto: Mila Cordeiro

Cantora com forte ligação com os ritmos baianos e as tradições culturais, ela faz show em que revisita o álbum ‘Santo de Casa’, lançado em 2010, com canções do Folclore Baiano e de autores como Roque Ferreira. Sesc Bom Retiro. Teatro (291 lug.). Al. Nothmann, 185, 3332-3600. 4ª (20), 18h. R$ 9/R$ 30. Cc.: D, M e V. Cd.: todos.

Black to the Future
Baco Exu Do Blues, Gabz e Young Piva são atrações do festival que celebra a cultura negra. Audio (3.200 lug.). Av. Francisco Matarazzo, 694, Água Branca, 3862-8279. Cc.: todos. Cd.: todos.

Encontro Nacional de Capoeira
Rodas de capoeira e feira gastronômica e de artesanato integram o evento, além de shows das cantoras Carolina Soares (14h) e Paula Lima (15h30). Das 11h às 13h, a Praça Cívica será tomada por grandes rodas de capoeira nos estilos Regional, Angola e Contemporânea. Em seguida, o Mestre Natanael conduz um canto de despedida, tradicionalmente executado no final das rodas. Artigos de artesanato afro-brasileiro e pratos como acarajé e vatapá estão entre os produtos vendidos na feira. Av. Auro Soares de Moura Andrade, 664, Barra Funda, 3823-4600. 4ª (20), 10h/16h. Grátis.

Museu Afro Brasil

Foto: Walter Firmo

O museu inaugura diversas mostras, que reúnem cerca de 300 obras, em celebração ao Dia da Consciência Negra. Uma instalação de Emanoel Araujo, gravuras de Rugendas, ensaio de Walter Firmo sobre Bispo do Rosário, além de um painel em homenagem aos 150 anos de nascimento de Mãe Aninha estão entre os destaques das mostras brasileiras. Já as estrangeiras incluem obras de Alphonse Yémadjè e Euloge Glélé, ambos de Benim, máscaras e esculturas do colecionador francês Christian Jack-Heymès, além de seis esculturas de ferro de Melvin Edwards. Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº, Pq. Ibirapuera, portão 10, 3320-8900. Inauguração: 4ª (20), 11h. 10h/18h (fecha 2ª). R$ 6 (sáb., grátis). Até 19/1/2020.

Àse – Poéticas de Empoderamento
A exposição multimídia aborda – por meio da religião, música, dança, poesia e indumentárias – questões relacionadas à luta por afirmação, conhecimento, autoestima, aceitação e valorização das origens afro-brasileiras. Caixa Cultural. Pça da Sé, 111, Centro, 3321-4400. 9h/19h (fecha 2ª). Grátis. Até 19/1/2020.

Museu do Futebol
Jogos, brincadeiras e visitas temáticas fazem parte da programação especial do museu. Na 4ª (20), das 10h às 11h30, o local organiza uma oficina de bonecas Abayomi, originalmente feitas como amuletos a partir de retalhos de roupas de mulheres escravas. No mesmo dia, às 10h30 e às 14h, uma visita educativa com ponto de encontro na Sala Grande Área será conduzida por educadores para estimular os visitantes a refletirem sobre as personalidades negras presentes no acervo do museu. Pça. Charles Miller, s/nº, Pacaembu, 3664-3848. 4ª (20), 10h/16h. R$ 20 (até seis anos, grátis).

Tendências: