Dez exposições com entrada gratuita para visitar em São Paulo
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Dez exposições com entrada gratuita para visitar em São Paulo

Júlia Corrêa

13 de maio de 2019 | 14h59

Foto: Romulo Fialdini

Leonilson: Arquivo e Memória Vivos

Entre pinturas, desenhos e bordados, cerca de 120 obras – muitas delas inéditas – compõem a mostra (foto acima), que tem curadoria de Ricardo Resende. Centro Cultural Fiesp. Galeria de Arte. Av. Paulista, 1.313, metrô Trianon-Masp, 3146-7000. 10h/22h (dom., 10h/20h; fecha 2ª). Grátis. Até 19/5.

Oscar Niemeyer (1907-2012) – Territórios da Criação

Com curadoria de Marcus Lontra e Max Perlingeiro, a exposição reúne desenhos, pinturas, esculturas e peças de mobiliário assinados pelo arquiteto brasileiro. A produção de artistas que trabalharam com ele também ganha destaque, em uma seleção que inclui obras de nomes como Alfredo Volpi, Athos Bulcão, Bruno Giorgi, Candido Portinari, Maria Martins e Tomie Ohtake. Instituto Tomie Ohtake. R. Coropés, 88, Pinheiros, 2245-1900. 11h/20h (fecha 2ª). Grátis. Até 19/5.

Artur Lescher: Suspensão

A exposição reúne 120 obras – entre instalações, esculturas, maquetes e cadernos de desenho – que mostram como o artista faz uso da engenharia e da matemática para testar a aplicação de noções de gravidade. Estação Pinacoteca. Lgo. Gal. Osório, 66, Luz, 3335-4990. 10h/18h (fecha 3ª). Grátis. Até 24/6.

Atelier 17 e a Gravura Moderna nas Américas

A exposição reúne 56 gravuras pertencentes ao MAC USP e a três instituições americanas – a Terra Foundation, o Brooklyn Museum e o Art Institute of Chicago. Com curadoria de Carolina Rossetti de Toledo, Ana Gonçalves Magalhães e Peter John Brownlee, são exibidos trabalhos produzidos entre os anos 1910 e 1960 (período marcado por diferentes experimentações), por artistas como os brasileiros Lívio Abramo e Geraldo de Barros. MAC USP. Av. Pedro Álvares Cabral, 1.301, Ibirapuera, 2648-0254. 10h/21h (fecha 2ª). Grátis. Até 2/6.

Burle Marx: Arte, Paisagem e Botânica

Com curadoria de Cauê Alves, a exposição reúne 70 trabalhos do artista (1909-1994), entre desenhos, pinturas, esculturas, tapeçarias, projetos paisagísticos e registros de espécies botânicas. MuBe. R. Alemanha, 221, Jd. Europa, 2594-2601. 10h/18h (fecha 2ª). Grátis. Até 26/5.

Foto: Letizia Battaglia/IMS

Letizia Battaglia: Palermo

A mostra (foto acima) reúne cerca de 90 imagens da fotógrafa italiana que, ao longo de quatro décadas, registrou a Guerra da Máfia em Palermo, além do cotidiano, a vida cultural e as transformações da cidade. IMS Paulista. Av. Paulista, 2.424, metrô Paulista, 2842-9120. 10h/20h (5ª, 10h/22h; fecha 2ª). Grátis. Até 22/9.

Museu Afro Brasil, nos Seus 15 Anos, Celebra São Paulo: uma Iconografia Urbana

Com curadoria de Emanoel Araújo, a mostra reúne 500 itens, como pinturas e objetos cotidianos, que revelam as transformações da cidade. Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº, portão 10, Ibirapuera, 3320-8900. 10h/18h (fecha 2ª). Grátis. Até 7/7.

Passado/Futuro/Presente

Com curadoria de Vanessa Davidson e Cauê Alves, a exposição traz 72 obras de artistas como Vik Muniz, Adriana Varejão e Tunga. MAM. Pq. Ibirapuera. Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº, portão 3, 5085-1300. 10h/18h (fecha 2ª). Grátis. Até 28/7.

O que os Olhos Alcançam – Cristiano Mascaro

Com cerca de 180 imagens, a mostra traça um panorama da produção do fotógrafo, lembrado, entre outros aspectos, pelo foco na arquitetura urbana. Sesc Pinheiros. Espaço Expositivo. R. Paes Leme, 195, 3095-9400. 10h30/21h30 (dom. e fer., 10h30/18h30; fecha 2ª). Grátis. Até 23/6.

SóLove

Sedução, amor e sexualidade estão entre os temas da mostra que propõe relatar como a capital reagiu a tais manifestações de afeto nos últimos cem anos. Para isso, são exibidas fotografias de nomes como Carlos Moreira, Thomaz Farkas e Nair Benedicto. Casa da Imagem. R. Roberto Simonsen, 136, Centro, 3105-6118. 9h/17h (fecha 2ª). Grátis. Até 7/7.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: