‘Coringa’, com Joaquin Phoenix, é uma das estreias da semana; confira salas e horários
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

‘Coringa’, com Joaquin Phoenix, é uma das estreias da semana; confira salas e horários

Humberto Abdo

03 de outubro de 2019 | 10h00

Foto: Warner Bros./DC Comics

Coringa

(Joker, EUA/2019, 121 min.) – Drama. Dir. Todd Phillips. Com Joaquin Phoenix, Robert De Niro, Zazie Beetz. Arthur Fleck trabalha como palhaço para uma agência de talentos. Após ser demitido, reage mal à gozação de três homens em pleno metrô e os mata, o que provoca um movimento popular contra a elite de Gotham City. 18 anos. Confira salas e horários de exibição

Angry Birds 2 – O Filme

(Angry Birds 2, EUA/2019, 97 min.) – Animação. Dir. Thurop Van Orman, John Rice. Os passarinhos mais mal-humorados do planeta estão de volta em uma nova aventura. Desta vez, os Angry Birds terão que se unir aos seus inimigos mortais, os Porcos, para evitar que uma outra espécie de inimigos invada a sua ilha. Livre. Confira salas e horários de exibição

O Clube dos Canibais

(Brasil/2019, 84 min.) – Terror. Dir. Guto Parente. Com Tavinho Teixeira, Ana Luiza Rios, Pedro Domingues. Otavio e Gilda são da elite brasileira e membros do The Cannibal Club. Os dois têm como hábito comer seus funcionários. Quando Gilda descobre um segredo de Borges, poderoso congressista e líder do clube, ela acaba colocando sua vida e a do marido em perigo. 18 anos. Confira salas e horários de exibição

De Peito Aberto

(Brasil/2019, 77 min.) – Documentário. Dir. Graziela Mantoanelli. Seis mães de diferentes realidades socioculturais compartilham os seis primeiros meses de vida dos seus bebês, o tempo recomendado pela Organização Mundial de Saúde para alimentar crianças somente com leite materno. Lidando com muitas emoções e questões sociais, a cineasta aborda políticas públicas, interesses privados por trás do desmame precoce, os diversos modelos de família e o papel da mulher na sociedade. 10 anos. Confira salas e horários de exibição

Um Dia para Susana

(Brasil/2019, 85 min.) – Documentário. Dir. Giovanna Giovanini, Rodrigo Boecker. Diagnosticada em 2005 com atrofia de múltiplos sistemas, a triatleta Susana Schnarndorf conseguiu permanecer ligada ao esporte dedicando-se à natação paralímpica. O avanço imprevisível da doença degenerativa afeta seu desempenho e a faz mudar de classe, mas Susana permanece nos intensos treinos para realizar o sonho de competir nos Jogos Olímpicos Rio 2016. 10 anos. Confira salas e horários de exibição

Domingo

(Brasil-França/2018, 95 min.) – Documentário. Dir. Fellipe Barbosa, Clara Linhart. Com Itala Nandi, Camila Morgado, Augusto Madeira. Múltiplos pontos de vista de uma família burguesa sobre o dia 1º de janeiro de 2003, quando o Brasil vivia a posse do presidente Luís Inácio Lula da Silva. 16 anos. Confira salas e horários de exibição

Ela Disse, Ele Disse

(Brasil/2019, 78 min.) – Comédia. Dir. Cláudia Castro. Com Duda Matte, Marcus Bessa, Maisa Silva. Rosa e Léo são adolescentes que acabaram de entrar em uma nova escola, onde precisam lidar com a difícil tarefa de fazer novos amigos. Enquanto Léo demonstra interesse em futebol, Rosa enfrenta problemas com Júlia, a garota mais popular do colégio. 12 anos. Confira salas e horários de exibição

Encontros

(Deux Moi, França/2019, 110 min.) – Comédia. Dir. Cédric Klapisch. Com François Civil, Ana Girardot, Eye Haïdara. Rémy e Melánie são vizinhos, mas não se conhecem. Na faixa de seus 30 anos, ambos tentam vencer a solidão da cidade grande no mundo moderno. 12 anos. Confira salas e horários de exibição

O Homem Ideal?

(M’Esperarás?, Espanha/2017, 99 min.) – Comédia. Dir. Carles Alberola. Com Carles Alberola, Alfred Picó, Cristina García. Jaume e Raquel organizam um encontro às cegas com Rubén, amigo neurótico e depressivo, separado há dois anos. A mulher que vai a esse encontro coloca de cabeça para baixo o relacionamento deles, mostrando que nunca é tarde demais para recomeçar. 12 anos. Confira salas e horários de exibição

O Homem que Cuida

(El Hombre que Cuida, República Dominicana-Porto Rico-Brasil/2019, 85 min.) – Drama. Dir. Alejandro Andújar. Com Julietta Rodriguez, Héctor Aníbal, Yasser Michelen. Juan tem 25 anos e trabalha cuidando de uma rica casa de praia. Abalado por ter sido abandonado pela esposa, que está grávida de outro homem, ele mergulha no trabalho de tal forma que cuida do local como se fosse seu. Sua rotina muda com a chegada de Rich, o filho de seu patrão, com o amigo Alex. 16 anos. Confira salas e horários de exibição

As Loucuras de Rose

(Wild Rose, Reino Unido/2019, 100 min.) – Musical. Dir. Tom Harper. Com Jessie Buckley, Julie Walters, Sophie Okonedo. Rose-Lynn Harlan é uma cantora que sonha em se tornar uma estrela da música country em Nashville, no Tennessee. Acabando de sair da prisão e mãe solteira de dois filhos, ela é forçada a encarar responsabilidades mais urgentes e arruma um emprego de diarista, mas encontra alguém disposto a apoiar sua aventura. 14 anos. Confira salas e horários de exibição

Onde Quer Que Você Esteja

(Brasil/2018, 101 min.) – Drama. Dir. Bel Bechara, Sandro Serpa. A Rádio Cidade Aberta transmite semanalmente o programa ‘Onde Quer Que Você Esteja’, em que pessoas tentam se comunicar com parentes e amigos desaparecidos. Nos bastidores do programa diversas histórias de vida cruzam-se e transformam-se. 10 anos. Confira salas e horários de exibição

Paulo de Tarso e a História do Cristianismo Primitivo

(Brasil/2019, 90 min.) – Drama. Dir. André Marouço. Com Alexandre Galves, Caio Blat, Renato Scarpin. Uma jornada dos feitos de Paulo de Tarso, um dos principais propagadores do Cristianismo, desde a época em que era cético em relação aos ensinamentos de Jesus Cristo até quando, tomado por uma súbita cegueira, compreendeu que sua função no mundo era levar sua palavra adiante. Livre. Confira salas e horários de exibição

Foto: O2 Play

A Turma do Pererê.doc

(Brasil/2019, 77 min.) – Documentário. Dir. Ricardo Favilla. Com Ziraldo, Mauricio de Sousa. Marcada na história como a primeira revista em quadrinhos brasileira, totalmente em cores, A Turma do Pererê é considerada uma influência para diversos autores que surgiram depois, como Maurício de Sousa. Além de ter sido a primeira a abordar temas como ecologia e inclusão social, a obra também é referenciada por se alinhar perfeitamente aos principais acontecimentos políticos da época. Livre. Confira salas e horários de exibição

Tudo o que sabemos sobre:

estreiascinemacoringaestreia coringa

Tendências: