As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Confira roteiro de bares e balada

Redação Divirta-se

21 Julho 2016 | 18h45

A seguir, a seleção do Divirta-se para a semana de 22/7 a 28/7:

NOVOS

Guarita
A casa de esquina é tocada por Jean Ponce (ex-D.O.M.) e pelo chef Greigor Caisley, do Twelve Burger. Lá, são servidos bons quitutes como o bolovo (R$ 9), crocante e bem temperado, e pizzas de fermentação natural, como a de tomate rústico com calabresa, erva doce e parmesão (R$ 25). Para beber, peça o ‘Na Guarita’ (R$ 26), com cachaça, abacaxi, notas de limão e Angostura. R. Simão Álvares, 952, Pinheiros, 3360-3651. 18h/2h (sáb., 16h/2h; dom., 16h/ 0h; fecha 2ª e 3ª). Cc. e Cd.: M e V.

BOTECOS

A Juriti
Na casa aberta em 1957, os 32 ti- pos de petiscos ficam espalhados pelo balcão. Alguns são bem famosos, como a rã à milanesa (R$ 18) e a potente ‘Joana d’Arc’ (R$ 26), uma calabresa grelhada na labareda do álcool. Entre um chope Brahma (R$ 7) e outro, peça as vigorosas batidas de amendoim ou maracujá, ambas por R$ 10. A lula à milanesa (R$ 35) e com vinagrete (R$ 40) é outra boa opção. R. Amarante, 31, Cambuci, 3207-3908. 8h/0h (dom. e fer., até 16h; fecha 2ª). Cc. e Cd.: todos.

Papo, Pinga e Petisco
Fica no mesmo lugar onde, nos anos 1960, existiu a boate Djalma’s, em que, diz-se, ocorreu o primeiro show de Elis Regina na cidade. Para beber, há cachaças curtidas (R$ 7/R$ 12), como a de café, e cerveja (Original, Bohemia, Heineken, Paulistânia e Serramalte, R$ 12). Para comer, não deixe de pedir o suculento sanduíche de carne louca, que sai por R$ 21,50. A porção pequena de acepipes frios, à escolha do freguês, custa R$ 37 (pequena) e R$ 46 (grande). Pça. Franklin Roosevelt, 118, Consolação, 3257-4106. 18h/1h (fecha dom. e 2ª). Cc.: não aceita. Cd.: M e V.

BOTECOS CHIQUES

Bar da Vila
O ambiente é gostoso e a cozinha capricha em quitutes como a ‘Calabresa Mariana’ (R$ 39), temperada com erva-doce e acompanhada de pão italiano, ou o sanduíche ‘Bonde Carne Louca’ (R$ 29). Para matar a fome, entre um chope Brahma e outro (R$ 7,70, claro; R$ 9,10, black), peça a porção de espetinhos (R$ 26). R. Joaquim Távora, 1.322, V. Mariana, 5539-4887. 12h/1h. Couv. art.: R$ 10 (6ª a sáb., a partir das 21h). Cc. e Cd.: todos. www.bardavila.com.br

Botica
O cone de baião no varal (R$ 34) é o destaque dos petiscos, mas a costela no bafo (R$ 89, para três pessoas) também tem grande saída. A feijoada é servida às quartas (R$ 42) e aos sábados (R$ 55). Para beber, chope Stella Artois (R$ 10). Aos sábados, das 13h às 17h, o bar é animado por chorinho ao vivo. R. André Ampere, 215, Brooklin, 5507-4125. 12h/1h (fecha dom.). Couv. art.: R$ 8/R$ 10 (5ª e sáb.). Cc. e Cd.: todos. www.botica.bar

CACHAÇA 

Água Doce Cachaçaria
É filial de uma rede de bares especializados em cachaça que surgiu em Tupã (SP). A carta da bebida, com mais de cem tipos, é bem didática: cita a procedência, o tipo de madeira em que foi envelhecida, e dá uma cotação, de acordo com a qualidade (R$ 7,90/R$ 79,90, a dose). Para acompanhar os goles, peça o escondidinho de carne-seca (R$ 75,90) ou a tilápia ao molho de camarão (R$ 98,90). Av. Macuco, 655, Moema, 5056-1615. 11h30/0h (6ª, até 1h; sáb., 18h/2h; fecha dom.). Couv. art.: R$ 10 (6ª e sáb.). Cc. e Cd.: todos. www.aguadoce.com.br

DRINQUES

NOH
Drinques moleculares são o mote do bar. Arrumadinho, com música eletrônica tocando ao fundo e luz baixa, funciona como pré-balada. Entre as receitas saídas do balcão está o ‘Mojito NOH’ (R$ 29), feito com cubos de melancia com rum injetado a vácuo, e o ‘La Sicilia’ (R$ 36), que leva vodca de pera, uva Thompson, limão, limão-siciliano e manjericão. Para comer, vale pedir o provolone à milanesa (R$ 36). R. Bela Cintra, 1.709, Consolação, 2609-3673. 18h/23h (5ª e 6ª, até 1h30; sáb., 19h/1h30; fecha dom. e 2ª). Entrada: R$ 15 (2ª a sáb., após às 21h). Cc. e Cd.: A, D, M e V. www.nohbar.com.br

HAPPY HOUR

Legítimo
O bar preza pela simplicidade: há mesas na calçada, quadros com escudos de times de futebol, azulejos brancos e cardápio com petiscos triviais. O sucesso são as linguiças artesanais de Bragança Paulista, como a calabresa de provolone (R$ 44,90). Outro quitute irresistível são as coxinhas (R$ 26,90, oito unid.), que, de tão macias, derretem na boca. O chope Brahma custa R$ 7,60 (claro) e R$ 8,60 (black). R. Luís Góis, 1.728, V. Mariana, 2729-2730. 17h/0h30 (2ª, até 23h; 6ª, 16h30/0h30; sáb., 12h30/0h; dom., 13h/23h). Cc. e Cd.: todos. www.legitimobar.com.br

HOTEL

Aboo
O cardápio do bar do Sofitel Ibirapuera inclui a porção de batata frita gratinada com bacon e cheddar (R$ 18) e anéis de cebola (R$ 22). Além de 80 rótulos de vinhos, há drinques interessantes, caso do ‘Aboo Paradise’ (R$ 26), que leva gim inglês e suco de grapefruit, e é servido na taça de martini açucarada. R. Sena Madureira, 1.355, V. Clementino, 3201-0800. 12h/23h. Cc. e Cd.: todos. www.aboobar.com.br

JOGOS

Willie Willie
No tradicional bar-arqueria, para atirar dez flechas, paga-se de R$ 5 a R$ 8. O lugar foi aberto em 1978, e aposta também na música ao vivo. Apresentam-se por lá, com frequência, bandas cover de pop e rock. O sanduíche ‘Willie Willie’ (R$ 22) é feito no pão sírio, com presunto, muçarela, requeijão e caldo de abacaxi (R$ 22) e é uma boa companhia para a long neck Stella Artois (R$ 11). Al. dos Pamaris, 30, Moema, 5533-0020. 19h/ 2h (6ª, 20h/5h; sáb., 20h30/5h; dom., 19h30/1h; fecha 2ª e 3ª). Cc. e Cd.: todos. www.williewillie.com.br

MEXICANO

Taco
Bom para comer nachos (R$ 32,30) e quesadillas (R$ 36,50, de queijo, milho e tomate; R$ 49,60, de filé mignon, queijo e tomate) e beber tequila (R$ 16/R$ 42, a dose). A partir das 17h, há o festival de comida mexicana: sete pratos do cardápio, além de molhos e tortilhas à vontade (R$ 29,90/R$ 63,10). R. Gabriele D’Annunzio, 1.301, Campo Belo, 5042-2858. 17h/0h (6ª e sáb., 12h/0h; dom. e fer., 12h/22h; fecha 2ª). Cc. e Cd.: todos. www.tacosp.com.br

MÚSICA AO VIVO

Memorial
Ocupam as paredes oito TVs de plasma e um telão que podem transmitir até três jogos diferentes ao mesmo tempo. Aos sábados e domingos, junto com a feijoada (R$ 63,90), tem roda de samba, regada a cerveja Original (R$ 10) e chope Brahma (R$ 8,90, claro; R$ 10,20, black). R. República do Iraque, 1.326, Campo Belo, 5052-7468. 17h/1h (sáb. e dom., 12h/1h). Couv. art.: R$ 5/R$ 8 . Cc. e Cd.: todos. www.barmemorial.com.br

PARA COMER

Adega Santiago
É simpático, barulhento e serve boa comida ibérica. A fila de espera faz parte da rotina do lugar. Se houver lugar no balcão, peça os ótimos croquetes de pato (R$ 38, seis unid.). Os bolinhos de presunto cru e verduras (R$ 38, seis unidades) também ajudam a passar o tempo. À mesa, peça os ‘Frutos do Mar à Tasquinha’ – polvo, lula e camarão com batatas ao murro e cebola (R$ 89) -; a bacalhoada na lenha (R$ 191); ou a paella da casa (R$ 83). R. Sampaio Vidal, 1.072, Jd. Paulistano, 3081-5211. 12h/15h e 19h/0h (6ª e sáb., 12h/0h; dom. e fer., 12h/22h; 2ª, até 23h). Cc. e Cd.: todos. www.adegasantiago.com.br

BALADA

1966
A festa, realizada no Mandíbula, homenageia os sons lançados em 1966, com repertório voltado principalmente para o rock. No line-up estão Guilherme Sobota, Eduardo Beu e Renato Forster – que tocam canções de Bob Dylan, Elvis, The Animals, Jimi Hendrix e Fred Neil, entre outros artistas. Pça. Dom José Gaspar, 106, piso 2. 5ª (28), 20h. Grátis. Inf.: bit.ly/mandib6

Safari
Na balada, em que Akin recebe DJs convidados, o som é tocado em vinil. Nesta edição, o convidado é Yellow P, fundador do Dubversão Sistema de Som. Os dois tocam ritmos jamaicanos – grooves digitais, temas de baile e batuques produzidos pelo país. R. Carlos Comenale, s/nº, Bela Vista, 3111-6342. Sáb. (23), 16h. Grátis. Inf.: bit.ly/safakin

Tenda
A balada de house, disco e dance music realiza mais uma edição no sábado (23). Além da discotecagem dos DJs Tiago Guiness e Guilherme Falcão, há um set do convidado Gezender e uma performance de DUDXSPACE. L’Amour. R. Bento Freitas, Centro, 366. Sáb. (23), 23h45. R$ 25. Inf.: bit.ly/tendla

 

 

 

 

Mais conteúdo sobre:

bares e balada em SP